EducaçãoPrefeituraTrânsito

CIDADE. Premiação para os vencedores de concurso em escolas municipais encerra a Semana do Trânsito

Vencedores do concurso “Nós Somos o Trânsito” receberam seus prêmios, em solenidade no Salão de Atos da Universidade Franciscana

Por ANA BITTENCOURT (texto) e JOÃO ALVES (foto), da Assessoria de Imprensa da Prefeitura

Em Santa Maria, a Semana Nacional do Trânsito encerrou na manhã desta terça-feira (25), durante solenidade no Salão de Atos da Universidade Franciscana (UFN). Na ocasião, a Prefeitura Municipal realizou a premiação do concurso cultural “Nós Somos o Trânsito”, promovido de forma conjunta pelas secretarias de Mobilidade Urbana e de Educação, com o objetivo de integrar alunos de escolas de Ensino Fundamental do Município em prol do trânsito seguro e tolerante.

O secretário de Mobilidade Urbana, João Ricardo Vargas, o Coronel Vargas, sintetizou as diretrizes da Semana Nacional de Trânsito, realizada desde o dia 18 de setembro promovendo ações educativas e oficinas de conscientização.

“A Semana do Trânsito é um evento de grande importância, pois trata de duas questões fundamentais: a educação e a vida. Educação para a preservação da vida no trânsito. E nosso público-alvo são justamente as crianças, responsáveis por atitudes conscientes no futuro”, afirmou o secretário.

Para participar do concurso cultural, os alunos matriculados entre o 6º e o 9º ano deveriam elaborar uma frase criativa, com no máximo 200 caracteres, sobre o tema da Semana Nacional do Trânsito 2018: Nós Somos o Trânsito. No total, sete estudantes foram contemplados, sendo que o grande vencedor recebeu uma bicicleta como prêmio.

Confira os vencedores:

Luiz Fernando Rodrigues, matriculado no 9º ano na EMEF Lívia Menna Barreto, com a frase: “No trânsito, motoristas e pedestres tem que agir com responsabilidade. Conservar a vida é a maior prioridade!”

Ana Carolina Fernandes Pereira, matriculada no 9° ano na Escola EMEF Aracy Barreto Sacchis, com a frase: “A faixa de pedestres é uma faixa de amor à vida.”

Juliana Maier Ventura, matriculada no 7° ano na EMEF Bernardino Fernandes, com a frase: “Na estrada um carro, na mão a direção, na mente a consciência de uma boa condução.”

Laiza de Moura Dutra, matriculada no 7° ano na EMEF Bernardino Fernandes, com a frase: “Se nós somos o trânsito, quando desrespeitamos, estamos desrespeitando a nós mesmos.”

Kamily da Silva Abrantes, matriculada no 8° ano na EMEF João da Maia Braga, com a frase: “Diante do trânsito, muitas pessoas morrem por falta de atenção. Faça diferente, dirija com a atenção e segurança, sua vida não volta atrás.”

Luiz Fernando Braga da Silva, matriculado no 8° ano na EMEF Rejane Garcia Gervini, com a frase: “Para diminuir a violência e a desordem no trânsito, não são as regras que tem que mudar, mas sim as pessoas.”

Yasmin Silveira dos Santos, matriculada no 7° ano na EMEF Lívia Menna Barreto, com a frase: “Não use celular enquanto dirige. Uma mensagem não vale nada.”

Ao final da premiação, o público assistiu à palestra “Harmonia no Trânsito”, proferida pelo gerente de vendas do Grupo Nicola Motos, Rubilar Barros. Além do secretário de Mobilidade Urbana, também participaram da solenidade a coordenadora do Programa Novo Mais Educação, Adriana Falkembach, representando a Secretaria de Educação do Município; o consultor de vendas da Uglione Comércio de Veículos Ltda, Márcio Souza; a coordenadora do programa municipal Educa Trânsito, Vânia Varaschini; e o superintendente de Mobilidade Urbana, Silvio Souza.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo