CONGRESSO. Câmara poderá ter número recorde de candidatos à Presidência. Até aqui, oito concorrentes

CONGRESSO. Câmara poderá ter número recorde de candidatos à Presidência. Até aqui, oito concorrentes

CONGRESSO. Câmara poderá ter número recorde de candidatos à Presidência. Até aqui, oito concorrentes - poder360-maia

Número alto de candidatos pode atrapalhar o atual presidente da Casa, o carioca Rodrigo Maia, do DEM, que tenta a reeleição

No site especializado PODER360, com reportagem de PALOMA RODRIGUES e imagens de Reprodução

A eleição para a presidência da Câmara pode registrar recorde de candidatos em eleições ordinárias. Até o momento, 8 deputados se apresentam como postulantes. Apenas em eleições convocadas após renúncia do titular foi registrado 1 número maior de concorrentes.

Os pré-candidatos até o momento são:

Rodrigo Maia (DEM)

Alceu Moreira (MDB)

Arthur Lira (PP)

Fábio Ramalho (MDB)

JHC (PSB)

Marcel van Hattem (Novo)

Marcelo Freixo (Psol)

Ricardo Barros (PP)

O número pode ser reduzido com a retirada de candidaturas. É comum os congressistas deixarem a disputa na última hora para negociar os votos que conseguiram por cargos na Mesa Diretora ou nas comissões.

O 1º desistente foi o deputado eleito Kim Kataguiri (DEM-SP). O demista decidiu na 4ª feira (23.jan) apoiar o candidato do Novo, Marcel Van Hattem. Na 5ª feira, Capitão Augusto (PR-SP) foi quem retirou seu nome.

O aumento no número de candidatos preocupa o atual presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que busca a reeleição. Maia conta com uma ampla base de apoio formada por 13 partidos, mas parte dos candidatos tem conversado diretamente com cada deputado em vez das cúpulas partidárias.

Como o voto é secreto, pode haver traições no dia da votação.

Quando se elegeu em 2017, Maia derrotou 5 adversários. Teve 293 votos com o apoio de 1 bloco que detinha 360 cadeiras da Casa.

Agora, o grupo do demista tem cerca de 300 deputados.

Para a disputa acabar no 1º turno é preciso que o vencedor obtenha a maioria na Casa, de 257 votos. Quanto mais adversários, maior a probalidade de pulverização de votos.

O histórico dos últimos anos aponta números mais baixos de concorrentes:

CONGRESSO. Câmara poderá ter número recorde de candidatos à Presidência. Até aqui, oito concorrentes - poder360-tabela-1Na história desde a redemocratização, apenas 2 pleitos registraram número de candidatos próximo ao atual. Em 2005, após a renúncia de Severino Cavalcanti (PP-PE) por denúncias de corrupção, 8 deputados concorreram ao posto.

Em setembro de 2016, 1 mês após a renúncia do deputado Eduardo Cunha (MDB-RJ), 13 candidatos tentaram assumir o mandato tampão.

Eis o panorama completo, considerando as eleições extraordinárias de setembro de 2005 e julho de 2016:

CONGRESSO. Câmara poderá ter número recorde de candidatos à Presidência. Até aqui, oito concorrentes - poder360-tabela-2PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *