ECONOMIA SOLIDÁRIA. Lançada a campanha para garantir a infraestrutura dos eventos de julho em SM

ECONOMIA SOLIDÁRIA. Lançada a campanha para garantir a infraestrutura dos eventos de julho em SM

ECONOMIA SOLIDÁRIA. Lançada a campanha para garantir a infraestrutura dos eventos de julho em SM - feicoop-rosiele

Rosiele Lüdtke, 41 anos, expositora: “O feirão proporciona a gente trabalhar coletivamente, pois trabalhar individualmente é muito difícil”

Feira de Santa Maria: uma experiência de transformação social

 (*) Por LOURDES DILL, MARINÊS BESSON e LUIZ CLAUDIO LOPES DA SILVA (Mandela), com foto de Divulgação

Há 25 anos acontece a Feira Internacional do Cooperativismo e da Economia Solidária (Feicoop) na cidade de Santa Maria, Rio Grande do Sul. Trata-se de uma ação contínua com o objetivo de promover a geração de trabalho e renda para combater a pobreza e desigualdade social.

A Feicoop começou em 1º de julho de 1994, após um grupo de agentes sociais estudarem um livro sobre a pobreza e a riqueza dos povos. A partir do estudo iniciaram-se pequenos apoios a grupos com projetos comunitários focados em geração de trabalho e renda para as pessoas mais pobres. Com o intuito de ampliar a comercialização dos produtos gerados pelos grupos e para fortalecer a integração em rede dos empreendimentos, nasceu a Feira Regional de Cooperativismo, que se constituiu estadual até 1999. A partir dos anos 2000 até 2004 a Feira passou a ter um caráter nacional, ou seja, cresceu e recebeu pessoas do Brasil para trocar ideias, realizar oficinas, capacitações e também comercializar seus produtos. De 2005 a 2008 a feira se expandiu, agora abrangendo os países do Mercosul. Este desenvolvimento chegou a internacionalização, tendo em sua última edição de 2018 com representantes de mais de 25 países.

Assista o vídeo e saiba mais sobre a Feicoop!

 

No início da caminhada de preparação do que viria a ser a Feicoop e de grupos de pessoas acompanhados pela Cáritas Santa Maria, os organizadores e fundadores eram considerados sonhadores. Muitas pessoas não acreditavam na força e dinâmica econômica dessa nova forma de organização, produção e comercialização. Ao longo dos anos, a experiência demonstrou que era possível, que movimentou a cidade e assim mais pessoas aderiram tanto enquanto consumidores responsáveis quanto empreendedores.

Na fala de uma das participantes e expositora, Rosiele Lüdtke, 41 anos:

“Hoje nosso grupo sustenta 5 famílias, 17 pessoas por esse projeto. O feirão proporciona a gente trabalhar coletivamente, pois trabalhar individualmente é muito difícil. Organizando a produção, planejando junto, cada um plantando uma coisa, a gente consegue organizar e trazer isso junto. Aproveitamos o mesmo carro, a mesma logística para trazer esses produtos. (…) Aqui não é só um espaço de comercialização, é um espaço de troca e aprendizado, a gente aprende muita coisa, a gente forma pessoas, mas também se forma”.

A 26ª edição da feira de Santa Maria, RS, será realizada no Centro de Referência de Economia Solidária Dom Ivo Lorscheiter, de 11 a 14 de julho de 2019. Contudo, estamos pedindo o apoio de todas e de todos para viabilizar esse importante espaço.

Para isso estamos com a campanha de doações “JUNTOS PELA FEICOOP” para garantir a estrutura da feira (armação e lonas, logística para alimentação, espaços de formação, atividades culturais, etc…) aos expositores, visitantes, participantes, educadores e expositores.

Vamos manter nossa rede de mais de 500 voluntários, nossa comunicação em diversos meios, nossa articulação com os diversos grupos e empreendimentos, nossos agentes sociais espalhados em todo Brasil, nossa paixão pela economia solidária com objetivo de realizar esse importante momento de geração de trabalho e renda, mas também de trocas de conhecimento e ideias, além de oferecer atividades culturais, artísticas e educativas.

Pela importância dessa grande iniciativa para a região, para o país e para a vivencia de milhares de pessoas com um outro consumo, convidamos: faça parte dessa mudança! Contribua com doações acessando caritasrs.colabore.org/Feicoop. É fácil, rápido e seguro. Acesse e participe!. Ou você também pode doar por meio de deposito bancário pelo Banco do Brasil – 001   26.292-7   agência 0010-8.  Em nome de: Caritas Brasileira Regional RS (CNPJ 33.654.419/0010-07).

A sua contribuição com a FEICOOP promoverá a transformação na vida de muitas pessoas que precisam desta iniciativa para sustentar suas famílias com dignidade. Tudo o que conseguimos fazer nessa e em outras edições só é possível porque contamos com pessoas como você. Participe desta corrente.

A nossa solidariedade transforma vidas!

(*) Irmã Lourdes Dill (Coordenação Geral da Feicoop/Coord. Projeto Esperança/Cooesperança),  Marinês Besson (Secretária Regional Caritas RS) e Luiz Claudio Lopes da Silva – Mandela (Diretor Executivo da Cáritas Brasileira)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *