SAÚDE. Hospitais universitários gaúchos receberão verba federal. Destinados R$ 3 milhões para o HUSM

SAÚDE. Hospitais universitários gaúchos receberão verba federal. Destinados R$ 3 milhões para o HUSM

SAÚDE. Hospitais universitários gaúchos receberão verba federal. Destinados R$ 3 milhões para o HUSM - correio-do-povo-husm

Hospital Universitário de Santa Maria, gerido pela Ebserh, terá disponíveis “quase R$ 3 milhões”, de acordo com o Correio do Povo

Do site do Correio do Povo, com texto de MAUREN XAVIER e foto de EDUARDO BARRETO (Arquivo)

Três hospitais universitários do Rio Grande do Sul vão receber R$ 6,179 milhões de repasses do Ministério da Saúde. De acordo com a publicação no Diário Oficial, serão beneficiados as seguintes instituições: Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (UFPel); Hospital Universitário Dr. Miguel Riet Correa Júnior (FURG), de Rio Grande; e o Hospital Universitário de Santa Maria (UFSM). Os valores são diferenciados para cada instituiação. A UFPel receberá R$ 1,270 milhão; a UFRG, cerca de R$ 1,925 milhão; e a UFSM, quase R$ 3 milhões.

Segundo o Ministério da Saúde, o valor total liberado aos hospitais universitários do país será de R$ 79,5 milhões. Serão beneficiadas 48 unidades, distribuídas por 22 estados e o Distrito Federal. O novo repasse integra o Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (REHUF), lançado pelo Governo Federal em 2010, para reforçar o orçamento das universidades mantenedoras de serviços de saúde, e assim, estimular a oferta de ensino, pesquisa e atendimento de qualidade. O Programa é desenvolvido e financiado em parceria com o Ministério da Educação.

Os valores para as unidades são definidos de acordo com indicadores e metas de desempenho de cada hospital. O montante irá reforçar o orçamento das instituições universitárias que comprovaram o cumprimento das metas de qualidade relacionadas a porte e perfil de atendimento, capacidade de gestão, desenvolvimento de pesquisa e ensino e integração à rede do Sistema Único de Saúde (SUS) local.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *