PartidosPolítica

POLÍTICA. Sai de cena o PRB. Agora, sigla ligada à Igreja Universal passa a ser chamada “Republicanos”

Do portal especializado PODER360, com texto de DOUGLAS RODRIGUES  e imagem de Reprodução

O ministro Jorge Mussi, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), decidiu nesta 5ª feira (15.ago.2019) a favor da mudança de nome do PRB (Partido Republicano Brasileiro) para Republicanos.

Eis a ÍNTEGRA da decisão.

Mussi disse que o Tribunal tem autorizado a mudança de nome de partidos, como já foi decidido sobre o Avante, que era PT do B (Partido Trabalhista do Brasil).

A alteração do nome para Republicanos foi decidida pela legenda em 7 de maio, em Brasília. A sigla também passa por uma reformulação de imagem. Quer se consolidar como 1 partido conservador nos costumes e liberal na economia.

A sigla é ligada à Igreja Universal do Reino de Deus, que apoiou Bolsonaro na campanha eleitoral.

O Republicanos tem entre seus filiados:

Marcelo Crivella – bispo e prefeito do Rio de Janeiro;

Marcos Pereira  deputado federal por São Paulo e o 1º vice-presidente da Câmara;

Celso Russomanno  deputado federal por São Paulo e apresentador de TV;

João Campos – deputado federal por Goiás, pastor e membro da bancada da bala;

O partido foi fundado em 25 de agosto de 2005. Na 1ª eleição, em 2006, elegeu 1 deputado federal e 3 estaduais.

Atualmente, conta com 31 deputados federais. É a 8ª maior bancada da Câmara. Em 2018, elegeu 42 deputados estaduais e 1 senador.

Segundo o TSE, em abril deste ano, contava com 415 mil filiados –alta de 4,4% maior em relação a 2018.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo