BASTIDORES. PSL e MDB, futuro de Adelar Vargas, noivado entre PT e PSD, as diárias de Admar e Araújo

BASTIDORES. PSL e MDB, futuro de Adelar Vargas, noivado entre PT e PSD, as diárias de Admar e Araújo

BASTIDORES. PSL e MDB, futuro de Adelar Vargas, noivado entre PT e PSD, as diárias de Admar e Araújo - bastidores-psl-e-mdb

“Estamos abertos aos partidos de direita, diz presidente do PSL na cidade, ao receber lideranças do MDB, inclusive a presidente Magali

Por MAIQUEL ROSAURO (com foto de Divulgação), da Equipe do Site

Uma semana após ser confirmado como novo presidente do PSL/SM, Eloi Irigaray recebeu visita da cúpula do MDB/SM. A pauta do encontro foi a composição do pleito de 2020.

Conforme Irigaray, o PSL possui lideranças naturais que são cogitadas a concorrer ao Executivo.

“E estamos abertos com os partidos de direita”, afirma o presidente.

Um olhar atento à fotografia divulgada do encontro demonstra que o MDB aposta forte em uma parceria com o PSL. A legenda levou para a reunião alguns de seus principais caciques.

Esteve no encontro a presidente municipal do MDB, Magali Marques da Rocha; o secretário municipal de Saúde, Francisco Harrisson; e os membros do Diretório da sigla Caio Jordão e Robson Zinn.

Pelo lado do PLS, além de Irigaray, também participou o tesoureiro da sigla Sandro Raymundo e o vice-presidente Edmar Mendonça.

Vai ter fila!

A tendência é de que outros dirigentes de siglas de direita formem fila para bater um papo com Irigaray. O PSL é o partido dos sonhos para fazer uma coligação, uma vez que é a legenda do popular presidente Jair Bolsonaro e receberá, em nível nacional, R$ 359 milhões dos fundos partidário e eleitoral para a campanha de 2020.

Bolinha e o MDB

O vereador Adelar Vargas – Bolinha (MDB) dificilmente seguirá no MDB. Ele recebeu convites de diversas siglas para trocar de lado na janela que se abre em março, entre elas, o PSD e o PDT.

Ao repórter do site ele relatou que ainda fará uma avaliação sobre o seu destino, mas garantiu que troca de legenda se o MDB se coligar com Jorge Pozzobom (PSDB) à Prefeitura.

Praticamente noivos

A dobradinha entre o pré-candidato a prefeito Luciano Guerra (PT) e o postulante ao cargo de vice, Marion Mortari (PSD), deve ser confirmada em breve. Lideranças de ambas as siglas garantem que o ‘namoro’ está evoluindo.

“As famílias já estão se conhecendo”, brincou um graúdo líder petista.

Solito

A aproximação de Guerra e Mortari pode estar minando uma possível candidatura de Sérgio Cechin (PP) ao Executivo. O Progressistas chegou a sondar o vereador do PSD para vice na chapa, mas tudo indica que Cechin ficou solito.

Ficou feio

Pegou mal a ausência de Vanderlei Araujo (PP) no curso sobre emendas impositivas, realizado na APUSM. Pela segunda vez no ano, o parlamentar encontra-se em Brasília, em viagem com Admar Pozzobom (PSDB) e Jorge Trindade – Jorjão (Rede).

Araujo é o autor do projeto que criou as emendas impositivas em Santa Maria e, mesmo já tendo feito o curso em Porto Alegre, sua ausência gerou críticas nos bastidores (inclusive de aliados).

Ficou feio II

Entre os intervalos do curso da APUSM, foi tema de discussão a lista com os gastos em diárias divulgadas pelo Site (AQUI). Alguns vereadores questionaram o excesso de viagens de Araujo e Admar, os campeões em recebimento de diárias, com uso de dinheiro público.

 



1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *