CÂMARA. Deili, Juba, Lorena e Ovidio são os únicos vereadores que não receberam diárias em 2019

CÂMARA. Deili, Juba, Lorena e Ovidio são os únicos vereadores que não receberam diárias em 2019

CÂMARA. Deili, Juba, Lorena e Ovidio são os únicos vereadores que não receberam diárias em 2019 - Os-4-que-nao-gastaram-diarias-em-2019

Deili Silva, Juliano Soares, Lorena Santos e Ovidio Mayer explicaram para o Site os motivos de não realizaram viagens oficiais ano passado. Fotos Allysson Marafiga / Câmara de Vereadores

Por Maiquel Rosauro

Enquanto o gasto com diárias na Câmara de Vereadores de Santa Maria chegou a mais de R$ 89 mil, em 2019, quatro parlamentares se tornaram exceção. Deili Silva (PTB), Juliano Soares – Juba (PSDB), Lorena Santos (PSDB) e Ovidio Mayer (PTB) não realizaram nenhuma viagem oficial que gerasse o recebimento de diárias, segundo indica  o Portal da Transparência.

Conforme Ovidio Mayer, que também não apresentou gastos com diárias em 2018, todas as suas demandas foram resolvidas sem precisar viajar.

“Minhas demandas resolvi aqui com o deputado federal Pedro Westphalen (PP), que conseguiu um caminhão para Santa Flora e emenda para construção de ponte Banhados-Catuçaba (Santa Maria – São Gabriel). Já o projeto da ponte consegui com a Pró-Reitoria de Extensão da UFSM sem nenhum custo”, explica o petebista.

Questionado pelo Site se o fato de não realizar viagens traz algum prejuízo ao seu mandato, Ovidio disse que a resposta quem dará é o eleitor (em outubro).

Deili Silva argumenta que não viajou em 2019 porque entendeu que suas demandas não necessitavam de deslocamento pessoal até Brasília, Porto Alegre ou outra cidade.

“Mantivemos bons contatos com as nossas lideranças , inclusive cito o exemplo da vinda do vice-governador e secretário da Segurança Pública (Ranolfo Vieira Júnior.) até Santa Maria, onde tratamos de demandas sem precisar ir até Porto Alegre. Foi a forma que encontramos de dar economia ao dinheiro público, fazer o sentindo inverso”, disse a vereadora.

Na opinião da petebista, o aumento na quantidade de viagens dos edis deve-se ao fato da maior quantidade de agendas mantidas pelos outros vereadores, uma vez que algumas lideranças priorizam receber as bases pessoalmente.

Lorena Santos disse que é a favor de realizar apenas viagens pontuais e extremamente necessárias em alguma situação que de fato a presença do parlamentar seja imprescindível. Em 2018, quando esteve à frente da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, ela também não recebeu nenhuma diária.

“Ao retomar os trabalhos na Câmara Municipal de Vereadores (em março de 2019), como parlamentar, viajei em uma ou duas ocasiões, onde participei de seminário em busca de atualizar e melhorar o conhecimento sobre a atuação parlamentar. Em nenhum destes eventos utilizei diárias”, comenta a tucana.

Mesmo sem sair de Santa Maria, Lorena relata ter conseguido a liberação de uma emenda de R$ 150 mil, para a Secretaria Municipal de Saúde, aplicada para o custeio de equipamentos. Ele conseguiu a verba a partir de pedidos feitos aos deputado estadual Airton Lima (PL), quando ele esteve no município, e com o deputado federal Maurício Dziedricki (PSDB), em conversas, sobretudo, via telefone e aplicativo de mensagens.

Juba, assim como Lorena, entende que as viagens devem ser feitas apenas quando há uma real necessidade.

“Considero importante viajar, desde que seja impreterivelmente necessária a presença física dos vereadores, uma vez que hoje contamos com diversas opções de comunicação igualmente dinâmicas. No meu caso, tenho uma rede de contatos vasta e eficaz a qual me permite realizar o meu trabalho sem a necessidade de viagens”, afirma o tucano.

O vereador ainda comenta que a ausência de viagens em 2019 não trouxe prejuízos para o seu mandato. Juba aponta priorizar a eficiência do trabalho parlamentar aliada à economia do erário.

LEIA MAIS:

CÂMARA. Vereadores gastam mais de R$ 89 mil com diárias em 2019. Aumento de 39% comparado a 2018

CÂMARA. Vereador que mais recebeu diárias, em 2019, diz que captou mais de R$ 1 milhão em emendas

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *