Destaque

ELEIÇÕES. Progressistas confirma especulações e aclama Sérgio Cechin como pré-candidato a prefeito

Vice-prefeito Sergio Cechin é, agora, pré-candidato ao Executivo Municipal. O segundo nome da chapa viria do MDB. Francisco Harrisson?

Por MAIQUEL ROSAURO (com foto de Divulgação), da Equipe do Site

O prefeito Jorge Pozzobom (PSDB) e o vice Sérgio Cechin (PP) não vão repetir, em outubro, a chapa vitoriosa das eleições de 2016. Na noite dessa quarta-feira (18), por aclamação, o Diretório Municipal do Progressistas aprovou a pré-candidatura de Cechin ao cargo de prefeito.

Algumas horas após o encontro, realizado no Espaço 486, o próprio Cechin divulgou uma nota em seu perfil no Facebook anunciando a novidade. Ele destacou seus sete mandatos como vereador e os dois mandatos como vice-prefeito.

“Para os santa-marienses, eu sempre digo sim! Tenho orgulho de conhecer cada cantinho, cada bairro e cada rua desta cidade que tanto amo. Chegou a hora de retribuir tudo que Santa Maria me deu. Foram 7 mandatos como vereador, mandatos como vice-prefeito, cargo que exerço atualmente com ética e responsabilidade, e muitas conquistas. Mas posso dar mais. Hoje, tomei a decisão mais importante da minha vida. Aceitei o pedido dos colegas de partido, do Diretório Estadual e dos meus amigos mais próximos: sou pré-candidato a Prefeito nas eleições de outubro. Com o apoio incondicional da família progressista, dos nossos deputados e do nosso senador Luis Carlos Heinze, vamos lutar juntos por uma Santa Maria como nós queremos e merecemos”, postou Cechin em trecho da nota.

 

O Site apurou que o vice da chapa liderada por Cechin virá do MDB.

“Está bem encaminhado, mas não está definido se será o vereador Francisco Harrisson (MDB)”, relatou uma fonte que pediu para não ser identificada.

Outra fonte do Site informou que há 32 progressistas em cargos de comissão (CCs) na Prefeitura, sendo que alguns são indicação do partido, outros dos vereadores Cida Brizola (PP) e Vanderlei Araujo (PP) e alguns foram indicados pelo próprio Cechin ou por Pozzobom. A expectativa nos bastidores é de que boa parte desembarque da Prefeitura.

16 anos depois

A última vez que o Progressistas teve um candidato a prefeito em Santa Maria foi em 2004. Na ocasião, José Haiddar Farret (PP) ficou na terceira colocação com 44.461 votos (30%).

Naquele ano, Valdeci Oliveira (PT) foi reeleito ao Executivo com 51.932 votos (35,04%). Cezar Schirmer (MDB) perdeu por pouco aquele pleito, alcançando 51.063 votos (34,45%). Quem também concorreu, há 16 anos, foi Alda Olivier (PSTU), que registrou 751 votos (0,51%).

Desde então, o PP tem se saído vitorioso em pleitos para o Executivo, porém sempre com o cargo de vice-prefeito. Em 2008 e 2012, Schirmer e Farret venceram nas urnas. Há quatro anos, foi a vez de Pozzobom e Cechin.

3º colocado em 1996

Cechin já concorreu a prefeito de Santa Maria. Foi no distante ano de 1996, época em que o hoje Progressistas era chamado de Partido Progressista Brasileiro (PPB).

Naquela ocasião, Osvaldo Nascimento da Silva (PTB) foi eleito prefeito com 48.118 votos (39,72%) e Renan Kurtz (PDT) foi o segundo colocado com 41.457 (34,22%). Cechin foi o terceiro com 20.456 votos (16,88%); Sergio Blattes (MDB) o quarto com 10.185 (8,40%) e Paulo Weller (PSTU) o quinto com 920 (0,75%).

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

4 Comentários

  1. Opinião é questão de informação, formação e percepção.
    Para começo de conversa, até onde sei Cechin é ‘gente boa’, ajudou bastante gente. É politica, não é pessoal.
    Heinze é candidato a governador em 22. Não sei se leva, aconteceu uma mudança importante no clima politico, a polarização B38-Molusco já cansou. Tem muita gente de saco cheio do ‘olha como o B38 usa a mascara’, como se não houvesse outras coisas mais importantes para ocupar a atenção.
    PP local queria mais cabides, Cladistone não chegou no preço. Acontece. Tem que encontrar outro vice. Recursos aparentemente não serão problema. Apoio do senador ajuda, mas não sabemos como será a campanha devido a pandemia.
    Candidato não é dos mais carismáticos. Ultima eleição que correu ‘avulso’ foi, se não me engano, 2012. Conseguiu 5800 votos para vereador, só perdeu para Bisogno que teve 8700 votos (tudo arredondado). Para chegar nos 40 mil votos vai precisar de um salto triplo.
    Eleição está em aberto. Duas questões restam, para onde irão os votos do Fabiano e o que fará Francisco Harrison. Passe deste último ficou mais caro se resolver ir de vice. Ou pode jogar os dados e ir na cabeça.

  2. 1996 Um bom ano para ser recordado, naquela época não existia o prefeito ser reconduzindo automaticamente para releição, e Behr era prefeito e tinha feito um ótimo primeiro mandato, e ai……..

  3. Engraçado, esse cidadão está há 40 anos na política e não vi ninguém dizer: “esse projeto é dele”, “fez tal coisa”, “conquistou isso”, nada, nunca! Agora ainda quer ser prefeito? Mamou quatro anos nas custas do pobre do Pozzobom e como engenheiro não fez um projeto pra ajudar a prefeitura?

    1. Só pode ser um Cc vendo sua teta se esvaziar …porque vir aqui defender o entre aspas pobre pozzobom fecha aspas …que cara de pau….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo