DestaqueEstradasSanta Maria

ESTRADAS. DNIT começa a obra de trevo que irá melhorar o acesso ao Hospital Regional, na BR 158

Trabalho deve estar concluído em três meses, segundo previsão da autarquia

Trevo no km 333 da BR-158 deverá proporcionar ligação mais segura entre o acesso ao Hospital Regional e a rodovia (foto Divulgação)

Do Núcleo de Comunicação Social do DNIT/RS

Com a finalidade de garantir mais condições de segurança na trafegabilidade para usuários das rodovias federais da Região Centro do Rio Grande do Sul, o Departamento Nacional Infraestrutura de Transportes (DNIT) executa melhorias na BR-158/RS, em Santa Maria, e na BR-287/RS, em Jaguari-RS. Ambas intervenções iniciaram na sexta-feira (20) e têm previsão de conclusão em três meses.

Por conta dos canteiros de obras, motoristas que trafegam pelas rodovias devem atentar para a sinalização provisória instalada no local e indica frentes de trabalho em execução. Como existe movimentação de máquinas e equipes realizando serviços ao lado da pista, há previsão de bloqueios parciais, com fluxo de trânsito alternado, em sistema “pare e siga” até a conclusão das obras.    

Em Santa Maria, será construído um trevo, no km 333, da BR-158/RS, que possibilitará uma ligação mais segura entre a avenida Florianópolis, acesso ao Hospital Regional, e a rodovia. Serão realizados serviços de terraplenagem, drenagem pluvial, passeio público e pavimentação. A obra beneficia moradores do bairro Parque Pinheiro Machado, Tancredo Neves, além dos loteamentos Cipriano da Rocha, Lopes e Monte Belo.

Em Jaguari-RS, a partir do Km 353,6 o DNIT implantará uma terceira faixa de 2,3 quilômetros de extensão na subida da serra. Serão executados serviços de terraplenagem, drenagem pluvial e pavimentação. A ação busca melhorar as condições de segurança da rodovia, prevenindo acidentes, uma vez que elimina ponto de manobras inseguras. Segundo dados da Polícia Rodoviária Federal, o trecho é considerado crítico, apresentado alto número de ocorrências, inclusive com vítimas graves e fatais. 

Segundo dados da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o trecho é considerado crítico, pois apresenta alto número de ocorrências, inclusive com vítimas graves e fatais.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo