DestaqueTrabalho

TRABALHO. Seção Sindical dos Docentes da UFSM tem nova direção eleita. E os conselheiros também

Laura Fonseca vai presidir a Sedufsm. Posse prevista para dia 4 de dezembro

Representantes da chapa eleita, a “Renova Sedufsm”, acompanharam apuração de forma virtual, na sexta-feira (Print Bruna Homrich)

Da Assessoria de Imprensa da Sedufsm / Por Bruna Homrich

Às 22h30 desta sexta-feira, 20 de novembro, a Comissão Eleitoral Local (CEL) anunciou, via Google Meet, o resultado do pleito para a Sedufsm: a chapa Renova Sedufsm, única inscrita para disputar a direção da entidade, foi eleita com 123 votos. O processo também contou com 2 votos nulos e 3 votos em branco. No total, votaram através da modalidade telepresencial um total de 128 sindicalizados (as).

Confira a nominata da chapa 1, Renova Sedufsm, agora eleita:

Presidente: Laura Regina da Silva Câmara Maurício da Fonseca (departamento de Serviço Social – CCSH)

Vice-presidente: Ascísio dos Reis Pereira (departamento de Fundamentos da Educação – CE)

Secretária-geral: Márcia Morschbacher (departamento de Metodologia do Ensino – CE)

Primeira secretária: Teresinha Heck Weiller (departamento de Enfermagem – CCS)

Tesoureira-geral: Liane de Souza Weber (departamento de Engenharia Rural – CCR)

Primeira-tesoureira: Rosane Beatriz O. Severo (departamento de Processamento de Energia Elétrica – CT)

Primeiro suplente: Leonardo da Rocha Botega (departamento de ensino – Colégio Politécnico)

Segunda suplente: Neila Cristina Baldi (curso de Dança)

Terceira suplente: Marian Noal Moro (docente aposentada do CCNE)

PARA CONFERIR A “CARTA PROGRAMA” DA “RENOVA SEDUFSM”, CLIQUE AQUI.

Conselho de Representantes

Junto ao resultado do pleito para a diretoria, a CEL também anunciou a votação feita pelos candidatos ao Conselho de Representantes. Os dez mais votados serão os titulares do Conselho. Acompanhe:

1 – Marcos Botton Piccin (departamento de Educação Agrícola e Extensão Rural – CCR): 34 votos

2 – Giuliana Redin (departamento de Direito): 25 votos

3 – Belkis Souza Bandeira (departamento de Fundamentos da Educação – CE): 24 votos

4 – Everton Lazzaretti Picolotto (departamento de Ciências Sociais – CCSH): 23 votos

5 – Nara Vieira Ramos (departamento de Fundamentos da Educação – CE): 20 votos

6 – Ada Machado Silveira (departamento de Ciências da Comunicação – CCSH): 17 votos

7 – Monica Correa Barboza (departamento de Desportos Individuais – CEFD): 17 votos

8 – Adayr da Silva Ilha (departamento de Ciências Econômicas – CCSH): 15 votos

9 – Elena Blume (departamento de Defesa Fitossanitária – CCR): 13 votos

10 – Jose Iran Ribeiro (departamento de Metodologia do Ensino – CE): 12 votos

11 – Renato Santos de Souza (departamento de Educação Agrícola e Extensão Rural – CCR): 10 votos

12 – Reinaldo Pedroso da Silva (docente aposentado do CAL): 6 votos

13 – Cicero Urbanetto Nogueira (Colégio Politécnico): 5 votos

14 – Diniz Fronza (Colégio Politécnico): 4 votos

15 – Jorge Alberto Soares Cruz (departamento de Arquivologia – CCSH): 4 votos

16 – Romario Urbanetto Nogueira (Colégio Técnico Industrial): 3 votos

Posse

Até 12 horas após a divulgação dos resultados cabe recurso. E, em havendo recurso, a CEL deve se pronunciar em até 24 horas após o recebimento do pedido. O resultado oficial das eleições será divulgado no dia 24 de novembro.

A posse da nova diretoria está prevista para ocorrer no dia 4 de dezembro. Este ano, em função da pandemia, o pleito para a Sedufsm aconteceu de maneira telepresencial, nos dias 19 e 20 de novembro…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

Artigos relacionados

ATENÇÃO


1) Tua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo