Câmara de VereadoresDestaquePartidos

CÂMARA. Oposição apresenta bloco para a eleição da Mesa Diretora com 11 vereadores e enfurece o PSL

Grupo é composto por parlamentares filiados ao PP, MDB, PSB, PDT e PSL

Da esquerda à direita: Tubias Calil (MDB), Roberta Pereira Leitão (PP), Rudimar Rodrigues – Rudys (MDB), Danclar Rossato (PSB), João Ricardo Vargas (PP), Anita Costa Beber (PP), Adelar Vargas – Bolinha (MDB), Pablo Pacheco (PP), Paulo Ricardo Pedroso (PSB), Luci Duartes – Tia da Moto (PDT) e Tony Oliveira (PSL) (Foto Divulgação)

Por Maiquel Rosauro

A oposição ao governo Jorge Pozzobom (PSDB) surpreendeu, nesta quinta-feira (17), e apresentou um bloco formado por 11 vereadores para a eleição da Mesa Diretora. O grupo inclui os quatro parlamentares eleitos do PP, os três do MDB, os dois do PSB e os edis do PDT e PSL.

O bloco se chama Pacto por Santa Maria e o cotado para primeiro presidente é o vereador João Ricardo Vargas (PP).

“Aguardamos a Diplomação, hoje (quinta), para fazermos a divulgação do grupo. Estamos nos reunindo há vários dias, discutindo, construindo e sugerindo um grupo para fazermos a diferença na Casa”, explica Vargas.

Conforme o vereador, o pacto formado pelos parlamentares reflete um desejo que surgiu nas eleições de novembro.

“O recado nas urnas foi muito forte e assim surgiu um planejamento estratégico para darmos a resposta que a Comunidade quer”, comenta Vargas.

Para 2022, o cotado para presidente é Paulo Ricardo Pedroso (PSB) e, para 2023, Tubias Calil (MDB). Para 2024, especula-se Tony Oliveira (PSL) assumirá o posto mais desejado da Casa.

PSL indignado

O bloco surpreende pela presença do PSB, que era especulado no acordo em formação entre PSDB e PT e, sobretudo, pela presença de Tony Oliveira, uma vez que ele é filiado ao partido do vice-prefeito eleito Rodrigo Decimo (PSL).

O presidente do PSL/SM, Edmar Mendonça, não concorda com a posição tomada pelo único parlamentar eleito pela sigla.

“Esse cidadão já foi suspenso pelo Conselho de Ética do PSL de Santa Maria por 12 meses. O processo, inclusive, encontra-se na Executiva Estadual para apreciação. Ele está cometendo mais uma agressão ao Estatuto e ao Código de Ética do PSL” afirma Mendonça.

O PSL/SM solicitou à Direção Estadual agilidade para julgar o pedido de suspensão, uma vez que Tony desrespeitou a decisão da sigla e abriu voto para Sergio Cechin (PP) a prefeito (AQUI). Contudo, a expectativa é de que o resultado saia somente em janeiro.

Um voto à frente

A eleição da Mesa Diretora ocorrerá na tarde de 1º de janeiro, dia da posse dos eleitos para Legislatura 2021-2024. Se forem apresentadas duas chapas, o Pacto por Santa Maria vencerá o pleito por um voto (são 21 vereadores, logo 11 forma a maioria).

Abaixo, confira nota enviada à imprensa pelo grupo que concorrerá ao controle do Legislativo:

COMUNICADO À IMPRENSA

Santa Maria, 17 de dezembro de 2020

Comunicamos a todos que a composição da Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Santa Maria está definida para a Legislatura 2021/2024. O grupo se chama PACTO POR SANTA MARIA e é formado pelos vereadores eleitos dos seguintes partidos: PP, MDB, PSB, PDT e PSL.

É um grupo composto por 11 (onze) vereadores que buscam uma Santa Maria mais eficiente e menos midiática; mais desenvolvida e menos burocrática; com um parlamento independente e com atuação forte; sem vaidades políticas e com os olhos voltados à população.

Como legítimos representantes do povo, reafirmamos o compromisso de defendermos todas as ações que são de fato benéficas para a cidade de Santa Maria, bem como sermos críticos ferrenhos de todo ato que for prejudicial a nossa cidade, onde podemos ser considerados uma OPOSIÇÃO CONSCIENTE.

Por fim, por sermos homens e mulheres de palavra, onde acreditamos na boa política e que o aperto de mão e o olho no olho possuem um significado de compromisso, ratificamos o nosso compromisso de mantermos este grupo unido pelos próximos 04 (quatro) anos e, principalmente, ratificamos nosso PACTO POR SANTA MARIA pelo bem da cidade como um todo!

Subscrevem este documento os seguintes vereadores eleitos:

ADELAR VARGAS – BOLINHA (MDB)

ANITA COSTA BEBER (PP)

CEL. VARGAS (PP)

COMUNICADOR PAULO RICARDO (PSB)

COMUNICADOR TONY DE OLIVEIRA (PSL)

PACHECO (PP)

PROF. LUCI TIA DA MOTO (PDT)

PROFESSOR DANCLAR (PSB)

TUBIAS CALIL (MDB)

ROBERTA LEITÃO (PP)

RUDYS (MDB)

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

6 Comentários

  1. Quantos votos cada grupo teve?
    Estes 11 somaram quantos votos?
    E a turma do Pozzobom?
    E os demais? A “segunda” oposição.

  2. Quando o PT orientou o voto em Cladistone, o indigesto, já sabia a composição da CV. Já sabia que ele teria que negociar. Sabia também que com Cechin não haveria negociação.

  3. “O recado nas urnas foi muito forte e assim surgiu um planejamento estratégico para darmos a resposta que a Comunidade quer”, diz o sindicalista dos brigadianos.

    Sim, o recado foi claro: Santa Maria preferiu não apostar nessa aliança bizarra entre bolsonaristas e ciristas, entre direita histérica e esquerda corrompida, entre todos os candidatos apoiados por essa turma que agora se considera representativa da vontade popular. Espero que, pelo menos, se vierem a comandar o parlamento, entendam isso.

    1. Olha acho melhor ir com calma não vão querer se vingar do couro que levaram, o povo não vai gostar como já não gostou e deram o recado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo