DestaquePrefeitura

CIDADE. Prefeitura obtém mais de R$ 1,2 milhão durante um leilão público online de bens inservíveis

Comercialização aconteceu na sexta e só um dos 53 lotes não foi arrematado

Automóveis, caminhonetes, ônibus, máquinas, entre outros equipamentos, foram vendidos em leilão virtual (foto João Alves/Prefeitura)

Da Assessoria de Imprensa da Prefeitura / Por Manuela Vasconcellos

O Executivo promoveu a venda de bens inservíveis por meio da realização de um leilão virtual online. Ao todo, foi arrecadado R$ R$ 1.248.360,90 na venda de automóveis, caminhonetes, ônibus, máquinas, entre outros. O leilão ocorreu na última sexta-feira (18). O valor superou as expectativas. Além de liberar espaços que estavam sendo utilizados por estes materiais, diminuindo custos de armazenagem e manutenção, os valores auferidos possibilitarão investimentos.

“O leilão realizado reforça as ações de redução de gastos e geração de receitas que servirão para investimento em novos equipamentos, obras para melhoria dos espaços públicos, economia de recursos e promoção da modernização dos serviços prestados à população”, reforça o secretário de Gestão e Modernização Administrativa, Marco Mascarenhas.

Dos 53 lotes ofertados, 52 foram arrematados. O leilão teve abertura de pré-lances em 11 de dezembro. Os interessados puderam visitar os lotes presencialmente, no pátio da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos, mediante agendamento, com todas as medidas de prevenção ao coronavírus.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo