DestaqueEstado

SAÚDE. Deputados antecipam votação de projeto que autoriza Estado adquirir vacinas contra covid-19

Projeto de Lei 11/2021 será votado nesta terça (23), na Assembleia Legislativa

“Diante do agravamento da pandemia no Rio Grande do Sul, o Parlamento se coloca à disposição do Governo do Estado”, disse o presidente Gabriel Souza. Foto Reprodução

Por Juliane Pimentel / Agência de Notícias da ALRS

Após liderar a reunião extraordinária da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa na tarde de sábado (20), o presidente da Casa, deputado Gabriel Souza (MDB), garantiu junto ao Colégio de Líderes o acordo para incluir na pauta da próxima sessão, na terça-feira (23), o projeto de lei (nº 11/2021) que autoriza o Governo do Estado a adquirir doses da vacina contra a Covid-19.

Os parlamentares também incluíram na Ordem do Dia a votação de criação da Comissão de Representação Externa para acompanhar o processo de planejamento e execução das ações de vacinação contra o coronavírus.

“Diante do agravamento da pandemia no Rio Grande do Sul, o Parlamento se coloca à disposição do Governo do Estado para garantir a aquisição de vacinas para a população. É um momento crítico, que exige de todos nós agilidade e união de esforços no combate à Covid-19”, reforça Souza.

As proposições foram publicadas em edição extraordinária do Diário Oficial da Assembleia Legislativa (DOAL) de sábado.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo