CulturaDestaque

HOMENAGEM. “Medalha é de todos que lutam pela produção cultural, afirma o coordenador da TV OVO

Iniciativa comunitária santa-mariense recebeu a Medalha da 55ª Legislatura

Homenagem da Assembleia Legislativa também teve um momento presencial, com o deputado Valdeci e integrantes da TV OVO

Da Assessoria de Imprensa do Deputado Valdeci Oliveira (texto e foto) 

“Lá no dia 12 de maio de 1996, quase ninguém, talvez, imaginasse que a TV OVO completaria 25 anos de atuação, com tantos projetos estaduais e nacionais realizados e com tantos sonhos ainda a realizar”. Com essa frase, a atriz e produtora cultural Denise Copetti abriu a homenagem prestada pela Assembleia Legislativa à TV Oficina de Vídeo Oeste, associação santa-mariense dedicada à formação audiovisual de jovens e a projetos culturais.

Na noite da última terça-feira (22), em uma transmissão realizada pelas redes sociais, a equipe da TV OVO foi agraciada com a Medalha da 55ª Legislatura do Parlamento gaúcho, uma iniciativa do deputado estadual Valdeci Oliveira que contou com o aval da Mesa Diretora do Poder Legislativo gaúcho. “Quando um jovem enxerga a sua comunidade e começa a registrar a sua comunidade, ele deixa de ser um simples jovem da periferia e passa a ser um cidadão ativo. Essa medalha também pertence a todos que lutam pela produção cultural”, afirmou o coordenador geral da TV, Alexsandro Pedrollo, ao receber a Medalha.

O fundador da TV, Paulo Tavares, resgatou os diferentes e inusitados locais de Santa Maria que já abrigaram a equipe, como a garagem da casa da sua família, o salão da Igreja São João Evangelista, o campinho da Escola Irmão Quintino e as próprias ruas da Vila Caramelo, na Região Oeste da cidade. Na sequência, uma sala cedida pelo Sindicato dos Bancários e um espaço na Casa de Cultura, na Praça Saldanha Marinho, foram alguns dos “lares” temporários da turma.  “Batemos na porta do então prefeito Valdeci (Oliveira) e do saudoso secretário (de Cultura) Humberto Zanatta e pedimos apoio. Fomos atendidos e ocupamos algumas salas da Casa de Cultura”, explicou ele.

O fundador também registrou, na solenidade, a aproximação da TV com o jornalista Marcelo Canellas, que teve início em 2011. “A partir daí, dois sonhos semelhantes se transformaram em um só: transformar o Casarão da esquina das Ruas Floriano Peixoto e Ernesto Becker, no Centro de Santa Maria, no Sobrado Centro Cultural. Em 2016, nos 20 anos da TV OVO, nós recebemos a doação desse espaço das mãos do Marcelo (Canellas). Hoje podemos dizer que temos um lar para chamar de nosso”, disse Tavares emocionado.

Um dos membros mais antigos da TV OVO, o jornalista e produtor cultural Marcos Borba, agradeceu o apoio coletivo que a entidade recebeu ao longo dos seus 25 anos.  “Se não fosse esse apoio, feito por pessoas muito importantes para nós, talvez não teríamos conseguido chegar até aqui”, assinalou.

Várias mensagens de vídeo de autoridades locais e até estaduais sobre a trajetória da TV foram transmitidas durante a solenidade virtual. “Falar da TV OVO é falar de uma experiência nascida em uma vila de periferia que já impactou a vida de milhares de pessoas, afirmou Marcelo Canellas.

Já o deputado  Valdeci Oliveira valorizou o papel da TV para o fortalecimento cultural de Santa Maria. “A TV OVO, que eu conheço desde os primeiros dias, honra a cidade de Santa Maria como Cidade Cultura. E cultura é educação, é entretenimento, é autoestima, é emprego e também é saúde e é remédio para a nossa alma e o nosso coração”, afirmou.

A íntegra da homenagem poderá ser conferida novamente neste domingo (27), às 10 horas, no FACEBOOK e no YOUTUBE.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

  1. Parabéns a todos. Principalmente à Denise Copetti, minha contemporânea de início acadêmico. Apraz, sobremaneira, iniciativas como as da TV OVO, à quaisquer indivíduos que amam a cultura Santamariense e que se orgulham das produções da região. Parabéns mesmo, muito merecido esse reconhecimento que revigora o desejo de continuar trabalhando em prol da Cultura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo