DestaqueRegião

PARTIDOS. Ex-prefeito de Júlio de Castilhos, João Vestena, passa a atuar na Câmara de Santa Maria

Construção do PSB local é um passo inicial para as eleições de 2022 e 2024

Da esquerda à direita, os socialistas Jorge Leal, João Vestena, Paulo Ricardo, Danclar Rossato e Celso Carvalho (Foto Divulgação)

Por Maiquel Rosauro

O vereador Danclar Rossato (PSB) surpreendeu, na terça-feira (1º), ao apresentar o ex-prefeito de Júlio de Castilhos, João Vestena (PSB), como membro de seu gabinete no Legislativo de Santa Maria. A chegada do experiente socialista faz parte de uma construção do partido com foco nas próximas duas eleições.

De acordo com Danclar, Vestena atuará como coordenador geral de políticas do gabinete.

“Vestena será responsável pela construção de contatos com todas as esferas da sociedade santa-mariense, usando todo o prestígio que ele possui”, afirma o vereador.

A vinda do ex-prefeito castilhense foi construída pelo coordenador regional do partido, Celso Carvalho; presidente municipal, Fabiano Pereira; presidente estadual da sigla, Mário Bruck, com aval do vereador Paulo Ricardo.

“Vestena vem também para fortalecer o partido, já pensando em 2022 e nas próximas eleições municipais”, comenta Danclar.

De acordo com Celso Carvalho, a vinda de Vestena foi facilitada por ele já possuir um apartamento em Santa Maria. No futuro, existe a possibilidade de o ex-prefeito vir a concorrer para algum cargo eletivo no município.

“A política é muito dinâmica e muita coisa pode acontecer. Para 2022, a tendência é o Fabiano Pereira concorrer novamente a deputado estadual e um dos nossos dois vereadores (Paulo Ricardo ou Danclar) buscar uma vaga à Câmara dos Deputados. Mas tudo será construído com calma, não está nada definido”, explica Carvalho.

Vestena formou-se na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), em Ciências Contábeis, em 1978. Atuou como prefeito de Júlio de Castilhos em três mandatos (2005 a 2008; 2009 a 2012; e 2017 a 2020).

Ano passado, tentou a reeleição ao Executivo, mas foi derrotado por Bernardo Della Corte (PSDB). O tucano fez 6.228 votos (52,68%) contra 5.595 votos (47,32%) de Vestena.

Em 2014, concorreu a deputado estadual e fez 16.898 votos, ficando na terceira suplência do PSB.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo