DestaqueRegião

CACHOEIRA DO SUL. Parceria entre Prefeitura e 13º GAC vai criar 45 novas vagas para a equoterapia

Convênio com o Município será encaminhado ao Comando Militar do Sul

Prefeitura destinou três profissionais para atuar junto ao Centro de Equoterapia General Polidoro. Foto Divulgação

Por Patricia Miranda / Prefeitura de Cachoeira do Sul

Uma parceria entre a Prefeitura de Cachoeira do Sul e o 13º Grupo de Artilharia de Campanha (GAC), vai gerar 45 novas vagas para equoterapia. Nesta semana o prefeito José Otávio Germano assinou o plano de trabalho que dará origem ao acordo de cooperação técnica (convênio) que agora será encaminhado ao Comando Militar do Sul.

Para garantir esta parceria, a Prefeitura destinou através da Secretaria da Saúde três profissionais (dois de psicologia e um de fisioterapia), onde cada um deles terá uma carga de 8 horas semanais junto ao Centro de Equoterapia General Polidoro, construído através de uma emenda parlamentar do então deputado federal, José Otávio Germano. Os três profissionais já foram capacitados e estão aptos a prestarem o serviço.

A vice-prefeita e Secretária de Educação, Angela Schuh, frisou que as parcerias entre Exército e Prefeitura sempre são feitas com o propósito de garantir benefícios à comunidade e esta será mais uma delas.

De acordo com o comandante do 13º GAC, tenente-coronel Cristiano Teixeira da Rosa, hoje o Centro de Equoterapia oferece 15 vagas, sendo 7 para alunos da Apae e 7 para filhos de militares que precisam do atendimento. Com o convênio serão mais 45 vagas, passando para 60 atendimentos. Destes, pelo menos a metade serão vagas disponibilizadas para a comunidade.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo