CampanhaEleições 2010

TROLOLÓ. Serra abre temporada de propaganda em rádio e TV. Amanhã, falam candidatos ao Piratini

A partir das 7 horas da manhã desta terça, no Rádio (e também ao meio dia), e da 1 da tarde (e igualmente às 8 e meia da noite), durante 45 dias, as emissoras de rádio e televisão retransmitem a propaganda eleitoral de 2010. Nas terças, quintas e sábados o espaço é ocupado pelos candidatos à Presidência da República e à Câmara dos Deputados. Às segundas, quartas e sexta, o proselitismo é feito pelos concorrentes aos Governos Estaduais, Senado e Assembléias Legislativas. Por sorteio, o primeiro candidato a falar, nesta terça, é José Serra, da coligação PSDB/DEM/PPS.

Enfim, começa a última fase da campanha eleitoral. Para muitos, absolutamente decisiva para as pretensões de todos os concorrentes aos cargos em disputa no dia 3 de outubro. Logo, logo será possível conferir essa assertiva. Enquanto isso, fiquemos com o excelente material produzido pelo jornal eletrônico Sul21. E que trata, objetivamente, do trololó a ser veiculado pelos candidatos ao Palácio Piratini – que entram no ar apenas na quarta-feira. A reportagem é de Lorena Paim. A seguir:

Horário eleitoral na TV – Campanha começa de verdade

Nesta terça-feira (17) começa o horário eleitoral gratuito pelo rádio e televisão em todo o país. O início do período de propaganda dos candidatos marca, efetivamente, a arrancada da campanha que culminará com a eleição de novos governantes e legisladores no próximo dia 3 de outubro. É o espaço que o eleitor tem para prestar atenção às propostas de cada um e, a partir daí, fazer sua escolha. Nas produtoras gaúchas, em Porto Alegre, o ritmo de trabalho é acelerado e pelo menos duas delas – as responsáveis pelos programas do PT e do PMDB – prometem surpresas no vídeo, a partir desta semana.

A maior expectativa ocorre em relação aos programas dos candidatos a governador, que começam na quarta-feira (18). “Não vamos revelar novidades. Mas as teremos”, comenta João Ferrer, coordenador político dos programas da coligação Unidade Popular pelo Rio Grande (PT/ PSB/PCdoB/PR), encabeçada por Tarso Genro (PT). É a que detém maior tempo de TV entre todas as coligações ou partidos. “Temos 4 minutos e 50 segundos em cada programa, o que significa um tempo total diário de 9 minutos e 40 segundos, além de três inserções de 30 segundos diárias, em média”, diz o coordenador de uma equipe de cerca de 40 pessoas.

Com o maior segundo tempo – 4 minutos e 40 segundos -, a coligação Confirma Rio Grande (PRB/PP/ PSL/PSC/PPS/PHS/PSDB/PT do B), da governadora Yeda Crusius (PSDB), não respondeu aos pedidos de entrevista do Sul21. 

A coligação Juntos pelo Rio Grande (PMDB/PDT/PSDC/PTN), com José Fogaça (PMDB) para governador, tem o terceiro maior tempo, 3 minutos e 51 segundos. Juliano Corbelini, da coordenação de marketing da campanha, também adianta: “teremos novidades, e essas ocorrerão na forma do programa…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

SIGA O SITÍO NO TWITTER

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

  1. Claudemir, li sábado que o Tubias não recebeu nenhum voto em Ijuí. Essa informação é equivocada, pois o numero 15015 foi digitado por 163 eleitores da cidade colméia do traabalho. Espero qu possa corrigir o PMDBista que estava indignado com a entrega do PMDB aos forasteiros e lhe passou essa informação de forma errada. desde já muito obrigado..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo