Estado

ESTADO. Governador debate com deputados do PP sobre projetos enviados à Assembleia

POSTADO POR MAIQUEL ROSAURO

Fonte: Governo do Estado do Rio Grande do Sul

Os deputados da bancada do Partido Progressista (PP) na Assembleia conheceram, ontem (15), no Palácio Piratini, detalhes do pacote de projetos enviados pelo Executivo gaúcho ao Legislativo. São 15 projetos de lei, considerados estratégicos pelo Governo para a retomada do desenvolvimento econômico e social do Estado. Tratam das pensões de ex-governadores, da criação das Casas de Solidariedade, da erradicação da miséria e de mecanismos de controle social e transparência, entre outros pontos.

A reunião, conduzida pelo governador Tarso Genro, e com a presença de demais secretários envolvidos na construção das propostas, foi a primeira de uma série que o Governo propõe aos partidos de oposição, para dialogar com as legendas que não fazem parte da base – os próximos encontros deverão ocorrer com o PMDB e o PSDB.

“A bancada do PP solicitou explicações a respeito de pontos de interesse especial, o que faremos com todo o prazer e muita responsabilidade”, disse o governador Tarso Genro. “Todas as alterações que vierem para aperfeiçoar os projetos serão muito bem-vindas”, complementou Tarso, afirmando ainda que o diálogo com a oposição será uma prática comum no Governo, e especialmente importante para o Rio Grande do Sul, “que vem de um processo de polarização aguda, desgastando a política”.

O líder da bancada do PP, deputado João Fischer, disse que o partido olha, primeiramente, as questões de interesse comum e que fazem parte de uma agenda de Estado. “Nos colocamos à disposição do governador, pois acreditamos que é um momento importante, em que o Rio Grande do Sul cresce e pode mostrar ao Brasil como se pode ter um entendimento sem fazer parte do governo”. Conforme Fischer, o partido apresentará sugestões, que podem incluir a retirada do pedido de urgência para determinadas propostas.

A lista dos projetos:

– Política estadual de combate à pobreza extrema
– Compras governamentais preferenciais para micro e pequenas empresas
– Casas da solidariedade
– Plano de cargos da Fundergs
– Contratação emergencial para Fundergs
– Novos critérios para o Conselho da Agergs
– Sistema de controle público, ética e transparência
– Auxílio financeiro a ex-governador
– Sistema estadual de políticas sobre drogas
– Vinculação do Protege à Secretaria de Justiça e Direitos humanos
– Alteração e ampliação do Fundopem
– Retomadas do Simples Gaúcho
– Programa de fomento ao Polo Naval
– Procedimento tributário administrativo
– Ampliação do número de conselheiros do CDES/RS e ressarcimento de despesas

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo