Artigos

Seis anos num clique – por Luciano Ribas

É muito simples entender o que significa o www.claudemirpereira.com.br. Basta imaginar que, se de uma hora para outra, simplesmente não tivéssemos mais onde ter informações com credibilidade e opinião sobre a política, a economia, o quotidiano e uma série de outros assuntos relevantes para Santa Maria e região. Ou, ainda, se precisássemos esperar o jornal de amanhã para saber o que é notícia hoje, agora, aqui.

Estamos tão acostumados a acessar o site mantido pelo jornalista Claudemir Pereira que não nos damos conta de que há apenas seis anos as coisas funcionavam exatamente como descrevi acima. Tínhamos menos informações, com pouca análise, quase sem nenhuma opinião e, principalmente, num ritmo que não serve mais ao mundo em que vivemos.

Tal qual a crença de que ninguém se disporia a ficar sentado em frente à televisão quando esta surgiu, muita gente diminuiu a importância da experiência que o Claudemir começou em 2005. Não é exagero supor que a palavra “bobagem” esteve nas bocas de muitas pessoas de mente curta, inclusive na de um ex-futuro deputado que, entre duas vergonhosas derrotas eleitorais, ameaçou “tirar do ar” o www.claudemirpereira.com.br.

Também não é exagero dizer que besteira mesmo era não entender que o Claudemir estava sendo um dos pioneiros em todo o Rio Grande do Sul num novo modelo de jornalismo, tão bem exemplificado nacionalmente por Paulo Henrique Amorim, Luis Nassif e Luiz Carlos Azenha. Um jornalismo que faz da capacidade de opinar sobre informações privilegiadas, obtidas de forma ética e baseadas na confiança, seu foco e a base da sua independência.

Políticos de todos os matizes já alegraram-se e irritaram-se lendo o Claudemir. Ainda bem, diga-se de passagem, pois demonstra um fato inquestionável: esse site possui influência (crescente) porque seu “mantenedor” tem credibilidade (também crescente). Afinal, mais de um milhão de hits e milhares de IPs únicos não são conseguidos sem conteúdo, persistência e permanente evolução. Quem aprendeu a anunciar aqui já sabe disso; quem ainda não aprendeu, é bom abrir os olhos, pois esse site é um espaço único também para quem precisa divulgar sua marca e seus serviços.

Tenho a satisfação de ter feito parte dessa história. Fui articulista, comentarista, parceiro da reestruturação, fonte e, algumas vezes, até uma espécie de conselheiro; prefiro, porém, optar pela qualificação de amigo do jornalista (e do site) como a que, penso eu, define melhor a relação que estabeleci com o Claudemir nos últimos anos. Me honra, portanto, a oportunidade de escrever no aniversário desse espaço que acessamos para saber antes.

Não sabemos como será a internet daqui a seis anos, mas podemos apostar que o Claudemir estará aqui, atualizado com as tendências e mantendo as características que fizeram dele o mais destacado jornalista santa-mariense das últimas três décadas. Eu boto fé, pois felizmente soube antes que o projeto iniciado em 2005 de bobagem não tinha nada. Muito pelo contrário, como Santa Maria e região puderam comprovar.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

2 Comentários

Deixe uma resposta para Edilson Ribas Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo