PrefeituraTransporte

TRANSPORTE COLETIVO. Prefeito assina decreto. Tarifa passa a R$ 2,30 na segunda-feira

Antes de anunciar a tarifa de R$ 2,30, prefeito conversou com direção do DCE/UFSM

Recebi agora há pouco material da Coordenadoria de Comunicação Social da Prefeitura. O texto é de Fabrício Minussi, com foto de Larissa Mayer. Não deixe de conferir, também, lá embaixo, o link com a palavra do secretário de Controle e Mobilidade Urbana, Marcelo Bisogno. A seguir:

Prefeito assina decreto que integraliza o valor da tarifa do transporte coletivo urbano em R$ 2,30

O prefeito Cezar Schirmer assinou na noite desta quarta-feira (22) Decreto Executivo que integraliza o valor da tarifa do transporte coletivo urbano em R$ 2,30 e estabelece novas exigências às empresas que exploram as linhas do itinerário urbano de Santa Maria.

O novo valor passa a valer a partir da zero hora da próxima segunda-feira (27), quando passa a contar o prazo de 90 dias para que a Associação dos Transportadores Urbanos disponibilize on-line os números relativos ao transporte público no Município.

Da mesma forma, as empresas também terão 120 dias para apresentar um projeto de implementação de condicionadores de ar nos coletivos urbanos da cidade. O Decreto Executivo também determina que seja dada ampla divulgação dos horários e freqüências de linhas praticadas na cidade. 

O decreto foi assinado logo após uma reunião com representantes do Diretório Central de Estudantes (DCE) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), em que também participou o secretário de Município de Controle e Mobilidade Urbana, Marcelo Bisogno e a Chefe de Gabinete, Magali Marques da Rocha. Na oportunidade, o prefeito salientou que cumpre o que havia sido acordado ainda no final do ano passado, quando a integralização do valor da passagem em R$ 2,30 ficou condicionada à implantação da passagem integrada no Município.

 “Mesmo com essa atualização aprovada em novembro do ano passado pelo Conselho Municipal dos Transportes, Santa Maria ainda possui o menor valor da passagem em relação a municípios de mesmo porte no Rio Grande do Sul. Em São Leopoldo e Novo Hamburgo o preço é R$ 2,35; em Caxias do Sul, R$ 2,40; e em Guaíba, R$ 2,65”, comparou o prefeito. Já o secretário Bisogno destacou o alto nível do diálogo mantido na reunião com os representantes do DCE, que ocorreu no Gabinete do Prefeito, no Centro Administrativo Municipal.

Cabe salientar que a ATU estará com sua sede na Avenida Rio Branco e a central de vendas localizada no Campus da UFSM, funcionando sexta-feira (24) das 9h às 16h, e no sábado, também das 9h às 16h, sem fechar ao meio-dia para que os interessados possam abastecer os seus cartões com o preço de R$ 2,20.”

CONFIRA AQUI A PALAVRA DE MARCELO BISOGNO

SIGA O SITÍO NO TWITTER

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

22 Comentários

  1. Prezado adriano e demais
    Não deixa de ser verdade , o governo do PT tbém deixou a desejar na questão do transporte, que tem a memoria boa, lembra das diversas manifestações realizadas pelo DCE em parceiria com o MNLM (bloqueio dos portôes da medianeira realizados em 99 e 2005, diversas manifestações na porta de prefeitura, ainda poderia ir mais longe e lembrar dos protestos no arco da ufsm ou ainda na esquina da frizzo) com elas conseguimos minimamente conter a ganancia do setor empresarial, e onde estavam os outros. Isso mais uma vez prova que poucos, muito poucos setores tem coragem de enfrentar o poderio economico e politico dos empresarios do transporte em Santa Maria. Nos continuaremos, e espero que mais pessoas, persoanalidades publicas(vereadores, deputados etc), e entidades assumam suas posições e venham pra luta.

  2. Olá boa noite.
    Camaradas muita coisa mudou de 90 pra cá. Um dos fatores da desmobilização é o seguinte. Com o advento do Vale transporte o valor da passagem não sai diretamente do salário do trabalhor. Significa que uma grande parecela da população “tá” mem ai para os reajustes das tarifas. Concordo em gênero, número e grau com o Marionaldo. Onde estão os Sindicatos, a UAC e próprio DCE. Volto a dizer soh existe uma saida para nos livrarmos dessa coisa, é a Licitação para concesão do serviço dos transporte coletivo.

  3. O que mais me intriga nessa questão do aumento das passagens é que só ouço o DCE da UFSM reclamar. Será que só os estudantes da UFSM que utilizam transporte público? onde está a U.A.C.? e a CUT regional? e o sindicato dos comerciários? seus representados não utilizam ônibus? sem falar da ASSUFSM, sindicato ao qual eu pertenço, que até o momento não vi nenhuma manifestação. Vamos ter que ficar de olho é na renovação da concessão.

  4. O QUE 10 CENTAVOS ( Mantendo Constante 5 anos) PODEM FAZER A UM ESTUDANTE
    Na edição de 25 e 26 de maio do Diário de Santa Maria, a advogada Odete Soares criticou ato público do DCE da UFSM contra o aumento da passagem de ônibus, que passará de R$ 2,20 para R$ 2,30. “O que são R$ 0,10?”, questionou. fONTE: 24/06 de 2011 Diário de Santa Maria. Ob: Meramente Econômica dessa economista que vos diz: Na visão de um estudante Universitário: 10 centavos em 100 passagens de ônibus por mês é = 10,00 reais a mais no mês, 120,00 reais ao ano, e nos 5 anos de faculdade seriam 600,00 o que colaboraria na formatura, afff o que 10 centavos podem fazer?

    Obs: Comentário de um Estudante no Facebook se 10 centavos é tão irrisório deixa por 2,20 mesmo.

  5. Aqueles que criticaram a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, saibam que é assim mesmo. Nunca que eles iriam falar o que realmente aconteceu. Optam por colocar na “reportagem”, nota o discurso mais conveniente. Era óbvio que se omitiria muita coisa do discurso do DCE nesta reunião.

  6. Incrível a nota da assessoria de imprensa da prefeitura, tentando insinuar que haveria alguma concordância da Direção do DCE com o aumento . Quem acompanha o debate do transporte publico e conhece a trajetória das ultimas e da atual gestão do DCE sabe da combatividade e do longo combate que os estudantes tem feito neste tema . Acompanhei vários episódios da luta pelo transporte publico e de qualidade na cidade e, é incrível como todos tem medo de falar abertamente sobre o assunto sempre tão delicado. Para mim alem de cumprir a lei e realizar licitação , a prefeitura como “poder concedente” , teria a obrigação de ter os dados reais sobre o custo do transporte coletivo na cidade . Alem disso deveríamos exigir o debate publico sobre qual a lucro máximo que esta empresas que “exploram uma concessão de um serviço publico” poderiam ter. Além disso a integração ao invés de replanejar linhas e itinerários que elimina-se a “baldeação”, estará estimulando a utilização do segundo ônibus (o que fará entrar mais passagens no Sistema) . No mais vamos novamente as ruas amanhã as 14 horas no calçadão continuar a luta contra o aumento etc . Vamos lá! Somente haverá melhoria no transito e na mobilidade urbana com transporte coletivo eficiente e barato .

  7. Quando a UFSM tinha um DCE Combativo(Década de 90), as coisas não eram tão fáceis assim… Agora, tem que pegar leve! Vai que em 2012 PT e PMDB estejam abraçadinhos…

  8. Prefeitura malandra, aproveitou o feriadão para decretar o aumento da passagem! Mas que nada, agora teremos ar-condicionado nos ônibus (ironia)! O prefeito acha mesmo que decretar aumentos de passagem fazendo exigências faz com que olhem-o com bons olhos?

    Outra canastrice da assessoria de imprensa da Prefeitura: “O decreto foi assinado logo após uma reunião com representantes do DCE”… Fica parecendo que o DCE concordou com o aumento.

    Deixo uma pergunta, quem abasteceu os cartões antes do aumento vai pagar 2,20 ou 2,30? Eu acredito que 2,30 (isso é só uma das vantagens, para as empresas, da bilhetagem eletrônica).

    Mais uma pergunta: porque os cartões tem limite de uso diário, ou seja, você compra os créditos e não pode usá-los porque a ATU limita? Que lei embasa tal limitação?

    Por fim, tentar justificar o aumento comparando Santa Maria com outras cidades é insultar nossa inteligência. As cidades são DIFERENTES, não tem o mesmo porte, como afirma o prefeito.

  9. De um Governo que preocupa-se apenas com os empresários e a burguesia da cidade não se podia esperar outra coisa. Enquanto ele viaja pelo mundo para fugir dos problemas que não param de crescer nas periferias e por toda a cidade. Somos nós, cidadãos deste municipio, que pagamos taxas e impostos que por sua vez pagam o gordo sálario e as despesas de viagem deste “governo’ ineficiente e omisso.
    Agora mais esse assalto ao bolso dos trabalhadores e estudantes.
    Essa conversa de passagem integrada, ar condicionado e aumento de linhas de ônibus já conhecemos de outros tempos e sabemos como funciona na prática: “fica na conversa”. Pelo menos tem ficado.
    Aqui no Loteamento Cipriano da Rocha residem cerca de 2 mil pessoas que se utilizam do transporte público para se deslocarem para seus trabalhos e escola e não ainda não contam com uma linha de ônibus que atenda esta comunidade.
    Há uns 3 meses atrás estiveram reunidos com a comunidade local, representantes da Prefeitura e do Expresso Medianeira, onde trataram da inclusão do loteamento como trajéto de linhas de ônibus, no entanto tudo o que nos ofereceram de concreto foi um linha circular que se limita a circular apenas no bairro Tancredo Neves e, em alguns horários se estende até a Santa Marta.
    Isso é um descaso gritante para com os moradores desta comunidade que além de terem mais esse prejuizo no bolso, caminham todos os dias cerca de 8 quadras para terem acesso ao serviço regular de transporte público.
    Mas de todos os males o que me deixa mais reconfortado é que os dias deste governo estão no fim. E levando em conta o desempenho terrivel desta administração que prometia “milagres” e que só “ferrou” aqueles que acreditaram em suas propostas: “nosso” prefeito não conseguirá uma reeleição
    Desta vez nem o doutor Farret fará esse milagre.

  10. oaranhanegra :
    Trabalho no interior, aqui perto,uso para me deslocar 2(dois) onibus interminucipais, percorro 57 KM. Sabem quanto pago? R$ 5,95 um e R$ 3,50 outro, total R$ 9,45 para me levar a 57 Km. Por aí, pode-se ter uma idéia do super faturamento que é a passagem municipal. E o prefeito aproveita o feriado para aumentar ainda mais!

    E os onibus interurbanos nao andam atrolhados de gente. Aqui é uma pressao. Calculem quanto de dinheiro entra num buzum por viagem.. Aposto que Schirmer NUNCa andou de buzum…

  11. O prefeito e seus comandados na calada da noite sumentaram a passagem em S.Maria. Onde estão os abrigos para os usuários que ficam a céu aberto na chuva ou no Sol do verão, isto é muita sacanagaem, imaginem os Srs se fosse o Valdeci que aumentasse a passagem na calada da noite, até agora estaríamos ouvindo os gritos do Tubias, do claudio rosa e do possonbon agora êles ficam bem quietinhos.Falando em tubias as praças de Santa Maria estão cada vêz mais bonitas né.Pobres homens.

  12. Trabalho no interior, aqui perto,uso para me deslocar 2(dois) onibus interminucipais, percorro 57 KM. Sabem quanto pago? R$ 5,95 um e R$ 3,50 outro, total R$ 9,45 para me levar a 57 Km. Por aí, pode-se ter uma idéia do super faturamento que é a passagem municipal. E o prefeito aproveita o feriado para aumentar ainda mais!

  13. Boa tarde, essa questão dos reajustes das tarifas se arrasta a muitas gestões da Prefeitura. Pouco adianta maquiar os serviços, oque nos ussuários precisamos é de passagem barata com um mínimo de conforto. A única solução que vejo é abrir licitação pública para exploração dos seviços de Transporte coletivo, que foi escamoteada tanto pela por essa Gestão Municipal como pelas outras que essa sucedeu. Por falar nisso como anda a ação oriunda do Ministério Público a respeito desse assunto, alguem sabe?

  14. Qual a opinião do ilmo vereador Mortari? Agora que descobri este ilustre desconhecido, que nem fedia, nem cheirava, quero saber a opinião dele em todos assuntos.

  15. Como duvidar da inteligencia dos outros,
    com a desculpa da passagem integrada teve
    o aumento, mas esta passagem beneficiou
    poucos usuarios, ja o aumento ferrou mui-
    tas mil pessoas.Usuarios refletir é preciso
    tem como agradeser ao Sr. Prefeito muito
    em breve.

  16. Santa Maria está a mercê deste governo sem direito a questionar nada,aumenta quando quer,cria o que quer sem consultar a população que o elegeu. Mas o que vai acontecer é que Schirmer usará de suas obras inúteis para se eleger,sem falar que vai usar o SAMU de bandeira pra isso também,e o tal corredor da Rio Branco, que até agora não mostrou seu real propósito, e vem falar que vai exigir ar condicionado nos ônibus,como se todos não soubessem que não passa de piada.Mas tudo bem,ele tem que cumprir seu acordo com as empresas de ônibus,afinal isso já era acordo antigo.E o povo que não tem escolha mesmo,nunca,vai pagar 2,30 por cada passagem,não importando de onde venha esses 2,30,se de seu dia de trabalho cansativo ou do bolso dos estudantes que agora os que pagam meia passagem pagarão 1,15.E continuará a superlotação e os atrasos.E Santa Maria continuará aguentando calada.Eleições só em 2012,e por pior que isso possa parecer Schirmer se considera o favorito nas urnas.
    É revoltante!!

  17. A matéria tendenciosa da Coordenadoria de Comunicação Social da Prefeitura de Santa Maria dá a entender que o DCE aprovou o aumento. Na reunião levantamos várias questões sobre o transporte, da fiscalização dos dados e do próprio cálculo da tarifa, do modelo de integração, e sempre nos mostramos contrários ao aumento, o que a matéria ignora…

    O DCE é contra e continuará sendo contra! Ainda hoje vamos tirar uma linha de intervenção, tanto de mobilização (complicado, em meio a um feriadão, final de semestre), quanto judicial.

    José Luís Zasso
    Coordenação de Comunicação do DCE da UFSM

  18. Agora ferrou! Eu e minha esposa vamos trabalhar todos os dias, R$ 4,60 p ir R$ 4,60 a volta = R$ 9,20, vou de carro, contribuir para aumentar o transito.

  19. Engraçado essa comparação com outras cidades até onde eu sei todas têm tamanhos e número de população diferenciados. Sem contar que São Leopoldo, Novo Hamburgo e Guaíba fazem parte da região metropolitana de Porto Alegre onde os assaltos são frequentes, sem contar que nas duas primeiras você pode pegar o Trensurb e um ônibus integrado sem acréscimo no valor. Acho que nem preciso falar sobre Caxias do Sul onde nível econômico é mais alto e não existe faculdade pública.

  20. Melhorias ?
    No centro ?
    No corredor novo da Rio Branco ?
    Corredos do CAOS ?

    Atendendo demandas reprimidas a mais de 20 anos ?
    Estão atendendo ?
    E onde estão os resultados ?

    Nova relação com os esttudantes ?
    Nova relação com os movimentos ?

    Tem respeito ? Senhor Secretário de Município de Controle e Mobilidade Urbana Marcelo Bisogno ?
    Respeito ?

    Quem colabora ?
    O DCE ?
    Quais seriam essas colaborações do dia a dia ?
    Das pessoas que estão no dia a dia ?
    E só estudande que anda de onibus ?

    Reunião marcada com os movimentos ?
    Nos informe a hora e o local pra ir assistir essa reunião !!
    Pra manter uma relação de construção ?
    Melhorou e muito ?

    ONDE ?
    Foi uma reunião importante pra quem ?
    Só se for pra ATU né que a prefeitura sempre acaba cedendo aos pedidos de aumento da passagem .

    Agora que a passagem vai pra r$ 2,30 podemos voltar a ter passe livre então né ?
    Uma vez por mês

    Com a ATU colocando linhas de onibus gratuitas a população
    E oferecendo Cultura de forma gratuita a todos ( as ) no centro da cidade [ Cinema / Teatro / Música / Dança ] na Praça Saldanha Marinho , Na Gare, assim reativando esse espaço tão importante e histórico pra nossa cidade

    O que acham ?

    Abraços

  21. Gostaria de ler a palavra dos representantes do DCE sobre os temas tratados nesta reunião, principalmente sobre a assinatura do Decreto Executivo pelo Senhor Prefeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo