InternetPolítica

NÃO CUSTA LEMBRAR. E os governos se rendem às redes sociais da internet

Confira a seguir trecho da nota publicada aqui na madrugada de 17 de janeiro de 2011, uma segunda-feira:

TECNOLOGIA. Ministério das Comunicações usa o Twitter para divulgar ações oficiais

Seguindo o estilo “tecnológico” de Paulo Bernardo, o Ministério das Comunicações adotou a rede social Twitter como uma das principais formas de divulgar informações oficiais. O novo ministro é um “twitteiro de carteirinha”, e já tem mais de 11,6 mil seguidores.

O Ministério das Comunicações está no Twitter desde julho do ano passado, mas desde o início deste ano as postagens passaram a ser mais constantes: são cerca de 10 anúncios por dia. Os tweets, como são chamadas as postagens com até 140 caracteres, tratam de temas como a agenda do ministro, andamento de reuniões, atividades do ministério e até anúncios de novos secretários. Os nomes do secretário executivo, Cezar Alvarez, e do secretário de Telecomunicações, Nelson Fujimoto, foram anunciados pela rede social…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI

PASSADO EXATAMENTE UM ANO da publicação do texto, os governos em geral (e o federal e estadual em particular – o municipal ainda é tímido, embora presente) até ampliaram sua presença nas redes sociais da internet, especialmente no Twitter. Mas informações como a nomeação de servidores de alto escalão se tornaram mais escassas. Enfim, há uma natural seletividade alcançada com o tempo. Se isso é bom ou ruim, não demora se verá.

SIGA O SITÍO NO TWITTER

ATENÇÃO


1) Tua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo