AssembleiaPolíticaTrabalho

ASSEMBLEIA. Na homenagem aos trabalhadores, Pozzobom lembra Getúlio Vargas e Fernando Henrique

Hoje foi dia de sessão solene, na Assembleia Legislativa. Os deputados se revezaram na tribuna para HOMENAGEAR os trabalhadores, pelo seu dia, 1° de maio. O tucano Jorge Pozzobom lembrou o fundador do trabalhismo brasileiro, Getúlio Vargas. Mas também enfatizou o que, no entender dele, é uma conquista recente, e veio com o presidente de honra do PSDB, Fernando Henrique Cardoso.

Para conferir o que disse o parlamentar, confira material distribuído por sua assessoria de imprensa. O texto é de Thiago Buzatto. A seguir:

SESSÃO SOLENE – Pozzobom destaca controle da inflação com direito conquistado pelos trabalhadores

O deputado estadual Jorge Pozzobom (PSDB) representou a bancada tucana na tribuna durante a Sessão Solene da Assembleia Legislativa dedicada ao Dia do Trabalhador, nesta terça-feira (30). O parlamentar lembrou que ao longo dos anos muitas conquistas foram obtidas, e que um dos grandes responsáveis por dar início a este processo foi o presidente Getúlio Vargas a partir da implantação do Código das Leis do Trabalho, no dia 1º de maio de 1943.

“Muito mais do que comemorar o Dia Internacional dos Trabalhadores, com muito orgulho temos que comemorar aqui no Brasil os direitos conquistados a partir das mãos de um presidente gaúcho. Mas os direitos sociais e trabalhistas continuaram a ser conquistados paulatinamente por todos os governos. Cada presidente da República do Brasil avançou um pouco até alcançarmos o que hoje está devidamente consagrados na nossa Constituição Federal”, afirmou.

O parlamentar fez questão de salientar que os benefícios ao não se limitam aos dispositivos das leis. “Até 1993, o mal que mais afligia o bolso do trabalhador era a inflação. A inflação todos os dias comia o salário do trabalhador, destruía sua dignidade. A partir de então, por uma ação inteligente do então ministro Fernando Henrique Cardoso, do PSDB, foi instituído o Plano Real e garantimos a estabilidade econômica e, por consequência, o respeito ao trabalhador”, acrescentou.”

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo