Ministério PúblicoSanta MariaTragédia

KISS. Dois bombeiros indiciados por homicídio doloso. MP entende ser culposo e repassa à Justiça Militar

Você leu, nas notas anteriores, a decisão do Ministério Público acerca da ocorrência de homicídio doloso (quatro denunciados), fraude processual (dois) e falso testemunho (dois). Também já se noticiou sobre quatro casos de indiciados pelo inquérito policial em que os promotores pedem mais diligências das autoridades, para firmar uma posição.

Em relação três dos indiciados, como você leu em nota imediatamente anterior, o Ministério Público pediu o arquivamento e, portanto, não os denunciou.

Já quanto aos dois bombeiros, Vagner Guimarães Coelho e Gilson Martins Dias, ambos indiciados por homicídio qualificado, os Promotores de Justiça entenderam que os casos são de homicídio culposo. E, sendo assim, repassados à Justiça Militar, a quem cabe a responsabilidade de processar e julgar.

Ainda retomaremos o tema, mais adiante.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo