PartidosPolítica

NÃO CUSTA LEMBRAR. Começava a refluir o rumor sobre a saída de Fabiano Pereira do petismo. Mas…

Confira a seguir trecho da nota publicada na madrugada de 26 de janeiro, segunda:

ELEIÇÕES 2016. Reflui rumor sobre saída de Fabiano do PT, mas outros partidos ficam em atitude de espera

Percebe-se, à distância, uma luta surda. De um lado, apoiadores de Fabiano Pereira no interior do PT e que querem a permanência dele, pois não pretendem sair da sigla na qual sempre militaram. De outro, os que já saíram e que gostariam de levar junto não apenas o dirigente que os liderou até outro dia, mas um potencial candidato a prefeito em 2016.

Se a decisão precisasse ser tomada agora, parece claro que a dissidência não se daria. Mas também é evidente que a pressão de fora para dentro continuará. Além dos que já foram para o PDT, a cúpula estadual da sigla, com a calma e cautela que consideram adequadas, continuará “cercando” Fabiano. Aliás, segundo apuração do editor, o contato direto será feito (se já não foi) por um deputado federal eleito bastante próximo a Marcelo Bisogno, por enquanto ainda o nome maior do pedetismo em Santa Maria

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI         

PASSADO EXATAMENTE UM ANO da publicação da nota, como você verá ainda em alguns momentos desta seção, a indefinição de Fabiano continuaria por mais alguns meses, num vai-e-vem que só terminaria com a ida dele ao PSB. Mas, naqueeeele momento, ele ainda era petista.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo