EstradasSanta Maria

TRAVESSIA URBANA. Obra de nova pista bloqueará, até terça-feira, acesso à rua Pedro Santini, via BR 158

O melhor, mesmo, para os motoristas, é tomar cuidado em todo o trecho em obras: 14 quilômetros entre o Trevo do Castelinho e o da Ulbra
O melhor, mesmo, para os motoristas, é tomar cuidado em todo o trecho em obras: 14 quilômetros entre o Trevo do Castelinho e o da Ulbra

Por RICARDO LOPES, da Assessoria de Imprensa (com foto de Reprodução)

Para continuidade de execução do serviço de construção da nova pista prevista no projeto da Travessia Urbana de Santa Maria, o acesso à rua Pedro Santini pela BR-158 será bloqueado totalmente a partir das 8h deste sábado (9).

De acordo com o cronograma, a interdição do trecho seguirá até a próxima terça-feira (6) e necessária para serviço de construção da base da nova pista. Com o bloqueio, quem deseja acessar o bairro deve utilizar a entrada junto à BR-287, faixa nova de Camobi.

Outro ponto que será bloqueado neste sábado será o acesso à BR-287 pela rua 4, esquina com a rua Antônio Felício Foletto, próximo ao trevo da Uglione. O trecho será interrompido para escavações que servirão para o alargamento da pista. Como alternativa os motoristas podem utilizar a rua 5.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo