Destaque

PAPO SANTO. Comunicação em tempos de campanha eleitoral, com dois conhecidos profissionais do setor

Ramiro e Luciano, na ancoragem de Bibiano (C), veja só, não estavam nas campanhas, à época. Mas, hoje, estão. E o que eles diziam, então?
Ramiro e Luciano, na ancoragem de Bibiano (C), veja só, não estavam nas campanhas, à época. Mas, hoje, estão. E o que eles diziam, então?

No momento em que foi gravado esse “Papo Santo”, lá por abril, os dois convidados não estavam envolvidos diretamente numa campanha eleitoral. Mas possuíam grande experiência na área. E aí, de repente, hoje, quando o programa (o terceiro de uma série de três – mas que, é a ideia, pode virar permanente) vai ao ar, eis que ambos estão diretamente ligados ao pleito de outubro.

Enfim, Ramiro Guimarães (jornalista) e Luciano Ribas (design gráfico e publicitário) acabaram por ser chamados para atuar na campanha em andamento. O primeiro na campanha de Jorge Pozzobom e Sérgio Cechin. O segundo acompanhando Valdeci Oliveira e Helen Cabral.

Então, é o seguinte: vale conferir o que disseram meses atrás, sobre eventos anteriores, e comparar com o que você vê agora. Cá entre nós, foi um acaso, mas um acaso que acabou por se tornar bastante conveniente, não?

Ah, esta edição do Papo Santo foi ancorada pelo jornalista Bibiano Girard, é uma produção deste editor e da CP&S Comunicações e teve a direção de imagens de Raphael Simon e Bianca Pereira.

PARA CONFERIR O “PAPO SANTO”, NA ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo