Destaque

CAMPANHA. Dos grandões do primeiro turno, só um apóia candidato no segundo. Os outros ficam neutros

Os últimos apoios confirmados no 2º turno: Solidariedade e PRB com Valdeci, PTB com Pozzobom (fotos Tiago Machado e Roni Riet)
Os últimos apoios confirmados no 2º turno: Solidariedade e PRB com Valdeci, PTB com Pozzobom (fotos Tiago Machado e Roni Riet)

Fechado o desenho da campanha do segundo turno, no que toca a apoio aos candidatos vencedores no primeiro, Valdeci Oliveira (PT) e Jorge Pozzobom (PSDB). De todos os candidatos perdedores na etapa inicial, apenas um faz declaração de voto na final. No caso, Jader Maretoli, do Solidariedade, que vai apoiar o petista, conforme foi anunciado nesta terça-feira.

Todos os demais, ou não se manifestaram, caso de Alcir Martins (PSOL) e Paulo Weller (PSTU), ou, com seus respectivos partidos, liberaram os filiados (que se fizerem campanha, o farão individualmente) e declararam neutralidade. São os casos de Fabiano Pereira (PSB), o terceiro colocado, Marcelo Bisogno (PDT), o quinto, e Werner Rempel (PPL), o quinto.

Confira, a seguir, um resumo da situação dos apoios no segundo turno:

VALDECI OLIVEIRA (e Helen Cabral) terão ao seu lado o Rede Sustentabilidade, do vereador eleito Jorge Trindade, o Solidariedade (de Jader Maroteli) e PRB, do vereador eleito Alexandre Vargas. Além, claro, dos parceiros originais, PT, PC do B e PHS.

JORGE POZZOBOM (e Sérgio Cechin) receberam o apoio formal do PSD, do vereador eleito Marion Mortari, do PTB, dos edis eleitos Deili Granvile e Ovídio Mayer, e do PV. Também mantêm a parceria original com PSDB, PP, DEM, PR e PROS.

DECLARARAM neutralidade, com liberação dos filiados e proibição de campanha (exceto em caráter individual, o PSB (Fabiano Pereira), PMDB (Magali Marques da Rocha), o PDT (Marcelo Bisogno e Ewerton Falk) e o PPL (Werner Rempel e Eduardo Crisóstomo).

NÃO SE manifestaram: PSOL (Alcir Martins e Israel Tischler) e PSTU (Paulo Weller e Alda Olivier).

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

4 Comentários

  1. Valdeci Oliveira, como já era de se esperar, recebeu o apoio da maioria dos concorrentes e na pesquisa, dispara na frente do seu adversário.

  2. É pessoal até os mais experientes as vezes falham, vejam o Valdeci, caiu numa pegadinha, ao aceitar o apoio do Jader, pois um cara que falava da velha politica, e e agora apoiando, os malandros velhos ficaram fora e o pia, pensando que é malandro botou a carreira fora, se tivesse apoiado o Pozzobom, também perdia, mais também tem um detalhe o partido dele é de aluguel mesmo, só que aqui o tiro saiu pela culatra, jã que falava da casa do João de Barro, entra pra dentro e te esconde pois se sair na rua o bodoque vai te pegar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo