PrefeituraSegurança

CIDADE. Guarda Municipal e BM finalizam os planos para garantir a segurança na Romaria da Medianeira

Por MAURÍCIO ARAÚJO (com foto de Divulgação), da Assessoria de Imprensa da Prefeitura

Romaria: reunião entre superintendente da Guarda Municipal e subcomandante do 1º RPMon ocorreu na tarde desta quinta-feira

A integração entre os órgãos de segurança de Santa Maria é fundamental para combater a criminalidade e diminuir os índices de violência na cidade, principalmente quando o Município recebe grandes eventos, como a 74ª Romaria de Nossa Senhora da Medianeira neste domingo (12). Milhares de pessoas são esperadas no Coração do Rio Grande e, por isso, mais uma vez, a Guarda Municipal e a Brigada Militar preparam uma força-tarefa para garantir a segurança dos fiéis na procissão.

Conforme o superintendente da Guarda Municipal, Sandro Nunes, a Guarda atuará na segurança ostensiva em apoio à Brigada, além de atuar junto ao Setor de Fiscalização do Município no combate à venda de bebidas alcoólicas, comércio informal e demais ocorrências. Para atender ao público, um centro de triagem será instalado em frente à Basílica da Medianeira.

“Nos reunimos para planejar as ações de segurança, que iniciam às 22h de sábado e só termina às 19h do domingo”, esclareceu o superintendente.

As ações integradas foram planejadas ao longo da semana e finalizadas nesta quinta-feira (09), entre o superintendente da Guarda e o subcomandante do 1º Regimento de Polícia Montada (1º RPMon), Major Jacob Pinton. Conforme o major, a Brigada Militar disponibilizará cerca de 200 policiais para a Romaria.

“Iniciamos hoje (quinta-feira) a execução destes planos, já que o evento atrai milhares de pessoas a Santa Maria. Por isso, desde já, estamos preparados para receber os fiéis”, disse o subcomandante.

Ainda, conforme ele, a Brigada disponibilizou um helicóptero para acompanhar toda a procissão. A aeronave possui câmeras de última geração, além de sensores térmicos para detectar armas. Todas as imagens gravadas serão enviadas à Plataforma de Observação Elevada (POE), pertencente à Secretaria de Segurança do Estado. A plataforma – a estrutura é a mesma utilizada na Calourada Segura, em março deste ano – também conta com 16 câmaras instaladas no topo, que realizará o monitoramento da região em tempo real.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo