Destaque

LIVRO. Organização anuncia homenageados da Feira: Valter Noal Filho, Maribel Dal Bem, Felippe D’Oliveira

No dia 26 de dezembro, este site trouxe a informação, obtida junto a fonte graúda do evento, com os nomes dos homenageados da Feira do Livro de 2018 (confira AQUI). Agora à tarde, a Prefeitura Municipal oficializa os nomes dos que serão festejados no evento que inicia no próximo dia 28. É o que você lê a seguir, no material distribuído pela Assessoria de Imprensa da Prefeitura, com informações da Assessoria da Feira do Livro. A foto acima é uma arte de Gibran Carrazzoni.Acompanhe:

Comissão da Feira do Livro de Santa Maria escolhe patrono e homenageados da edição de 2018

A Prefeitura Municipal e a Comissão Organizadora da Feira do Livro de Santa Maria divulgaram, na tarde desta segunda-feira (19), os nomes do patrono e dos homenageados da Feira do Livro 2018. Em sua 45ª edição, o evento traz como patrono Valter Noal Filho. A professora homenageada é Maribel Dal Bem e o escritor homenageado é Felipe D´Oliveira.

A Feira do Livro de Santa Maria – 45 anos ocorre de 28 de abril a 13 de maio de 2018, das 13h às 21h, exceto aos sábados, quando inicia às 10h. O evento é uma realização da Prefeitura Municipal, Câmara do Livro, CESMA, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Centro Universitário Franciscano (Unifra) e 8ª Coordenadoria Regional de Educação (8ª CRE), com apoio do SESI-RS.

CONFIRA QUEM SÃO OS HOMENAGEADOS DA FEIRA DO LIVRO 2018

Valter Noal Filho (Patrono): graduado em Comunicação Visual pela UFSM, Noal pesquisa literatura de viagem sul-riograndense, investigando o passado santa-mariense, sobretudo por meio da imprensa e da fotografia. Como organizador ou pesquisador convidado, Noal tem contribuído em diversas obras relacionadas ao passado de sua terra natal, destacando-se: A arte fotográfica e o teatro em Santa Maria (2005), de Getulio Schilling; e Theatro Treze de Maio: um espetáculo de história (2016), de Luiz G. Binato de Almeida; Do céu de Santa Maria (2008), com José Newton C. Marchiori, Paulo Fernando S. Machado e Werner Rempel; além de Santa Maria: relatos e impressões de viagem (1997), com José Newton Marchiori, uma das referências sobre a história do Município que comemora 160 anos em 2018.

Maribel Dal Bem (Professora Homenageada): formada em Letras-Língua Portuguesa e Literatura Brasileira com Curso de Especialização na mesma área, Maribel atua no magistério gaúcho desde 1992, em instituições públicas e privadas. A educadora trabalha o processo de autoria discente, sendo orientadora e organizadora de sete publicações de adolescentes e adultos. Os livros são lançados todos os anos na Feira do Livro de Santa Maria e têm sido a extensão da sala de aula, pois neles os alunos experimentam experiências literárias e vivências humanas. A professora também é autora de obras didáticas e orientadora de projetos que envolvem as escolas e a comunidade.           

Felipe D´Oliveira (Escritor Homenageado).  Nascido em Santa Maria em 23 de agosto de 1890, Felipe iniciou seus estudos na cidade, completou-os em Porto Alegre e trabalhou com o tio João Daudt de Oliveira em sua farmácia. Muito jovem, já escrevia críticas musicais publicadas no Correio do Povo. Antes disso, ainda menino, publicou artigos de crítica literária e versos em O Combatente, na sua cidade natal. No Rio de Janeiro, cidade para onde se transferiu para trabalhar no laboratório do tio, publicou o livro de poemas Vida Extinta, consagrado pela crítica e pelo público. Em 1927, lançou sua obra mais conhecida, Lanterna Verde, onde se encontra o poema de mesmo nome. Faleceu em um acidente de automóvel, na França, em fevereiro de 1933.”

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo