ELEIÇÕES 2018. Viagens de Kaus provocam debate sobre os recursos de vereadores nesta pré-campanha

ELEIÇÕES 2018. Viagens de Kaus provocam debate sobre os recursos de vereadores nesta pré-campanha - maiquel-kaus-na-estrada

Kaus tem pego a estrada com frequência recentemente. Combustível utilizado e uso de CCs em horário de expediente são questionados

Por MAIQUEL ROSAURO (com foto de Divulgação), da Equipe do Site

João Kaus (PMDB) é o primeiro vereador de Santa Maria a, efetivamente, movimentar sua pré-candidatura a deputado estadual além dos limites dos município. Suas viagens pela região têm ocorrido com frequência nas últimas semanas e, claro, não passam despercebidas. Nos bastidores, há questionamentos sobre os recursos usados, uma vez que os edis desfrutam de benefícios dispostos pelo Legislativo.

Desde o fim de abril, Kaus já visitou São Sepé, São Pedro do Sul, Dilermando de Aguiar, Itaara, Quevedos, São Martinho da Serra, Tupanciretã, Jari e Mata. Segundas, quintas e sextas-feiras costumam ser os dias das viagens, no qual ele realiza encontros em Prefeituras e Câmara de Vereadores a fim de conhecer as demandas dos municípios.

Leitores do site enviaram mensagens questionando se o combustível que Kaus recebe da Câmara serve para uso exclusivo em Santa Maria e também a respeito da presença de cargos comissionados (CCs) do seu gabinete nas viagens, uma vez que eles são pagos pelo Legislativo.

“Não utilizo o cartão-combustível da Câmara para estas viagens e nem poderia fazer tal uso”, argumenta o vereador.

Em relação aos CCs, o parlamentar argumenta que não vê problema na presença deles nas viagens, uma vez que não necessariamente eles precisam cumprir o expediente dentro da Câmara.

“Muitas vezes, eles trabalham mais do que o expediente da Casa, inclusive fazendo alguma compensação para o gabinete em um sábado ou domingo”, argumenta o vereador.

Câmara prepara Resolução

De acordo com o presidente da Câmara, Alexandre Vargas (PRB), cada parlamentar é responsável pelos seus atos e sabedor que sua cota de combustível é para seu mandato.

“Fizemos um documento que cada vereador assina se responsabilizando pelo combustível, afirmando que está utilizando no seu mandato”, argumenta.

Em relação ao uso de CCs, o presidente argumenta que o Legislativo irá verificar a situação apenas no caso de haver alguma denúncia.

“A Câmara irá fazer uma Resolução regrando tudo. Todo ano de eleição é feito isso para regrar na época de campanha”, argumenta o presidente.

Conforme o procurador do Legislativo, Lucas Meyne, não é possível afirmar se existe irregularidade ou não na presença de CCs nas viagens de Kaus sem antes analisar o teor das agendas.

“É fundamental destacar que os assessores (cargos comissionados) devem desempenhar suas atividades estritamente ao mandato parlamentar e não podem, no horário de expediente, fazer atividade diversa”, afirma o procurador.



4 comentários

  1. Garibaldi

    Não adianta tapar o sol com a peneira: no horário de trabalho, assessore ajudando na pré-campanha. E ponto.

    • Zé Ruas

      Simples assim. Contrato de 40 horas. Quem controla? Onde fica o registro?
      Para receber no mês seguinte alguém assina e endossa a carga horária. Imagino ser o vereador.
      Basta pedir o registro do ponto, ver quando estes assessores trabalham em finais de semana. Imagina se surge um registro bem na hora de uma campanha.
      E no final de semana como o vereador controla o cumprimento? Ele convoca ou o servidor faz a revelia do Chefe?

  2. O Brando

    Questão de formalidades. Agenda se arruma, se é cumprida é outra história. Colocam “discutir os problemas de saneamento” ou “troca de experiências no setor de economia familiar” e pode-se ir a qualquer lugar. Cargos de confiança também é fácil, basta colocar “divulgação das atividades do vereador” e está relacionado com o mandato. Tudo para inglês ver.

  3. Joaquim

    Esse vereador pode viajar 24 hs por dia até as eleições e carregado de CCs que não faz 3 mil votos. É muito fraco e só está vereador pela mão do Prefeito…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *