LUNETA ELETRÔNICA. Pimenta e o ministro intocável, deputados do Novo, as críticas de Bolinha, e Sinduscon

LUNETA ELETRÔNICA. Pimenta e o ministro intocável, deputados do Novo, as críticas de Bolinha, e Sinduscon

LUNETA ELETRÔNICA. Pimenta e o ministro intocável, deputados do Novo, as críticas de Bolinha, e Sinduscon - Doação-Sinduscon

Sinduscon realizou a doação de redes lógica e elétrica para a Superintendência de Análise e Aprovação de Projetos. Foto Deise Fachin

Por Maiquel Rosauro

* O líder da bancada do PT na Câmara dos Deputados, Paulo Pimenta, publicou um artigo nas redes sociais questionado a condição de ‘intocável’ do ministro Augusto Nardes, do Tribunal de Contas da União (TCU).

* No texto, Pimenta listou diversas acusações contra Nardes, confira:

* Os deputados estaduais eleitos pelo Novo, Fábio Ostermann e Giuseppe Riesgo, informaram na quarta-feira (9), que irão abrir mão da ajuda de custo paga pela Assembleia Legislativa em início e fim de mandato.

* O Parlamento gaúcho paga R$ 25,3 mil para os deputados que estão saindo e entrando (os reeleitos recebem o benefício dobrado – R$ 50,6 mil) no mandato. No total, o impacto nos cofres públicos é de R$ 2,7 milhões.

* “Torcemos para que mais deputados também abram mão deste privilégio em respeito ao povo gaúcho que paga a conta”, publicou Fabio Ostermann em sua fanpage.

* O vereador Adelar Vargas – Bolinha (MDB) publicou um vídeo mostrando as dificuldades para atendimento médico em Santa Maria.

* Nas imagens, os pacientes de um ESF enfrentam a chuva para conseguir atendimento no Parque Pinheiro Machado.

* “Cadê o Fila Zero, prefeito?”, questiona Bolinha.

* O Sindicato da Indústria da Construção Civil de Santa Maria (Sinduscon) doou para a Prefeitura, na quarta, materiais elétricos para viabilizar as adequações de pontos de energia e de pontos de rede lógica.

* O objetivo com a doação é propiciar a instalação e o pleno funcionamento à área técnica da Superintendência de Análise e Aprovação de Projetos.

* No total, o Sindicato investiu R$ 5,7 mil nas redes elétrica e logística, o que proporcionará a instalação dos computadores.

* “Agradecemos ao Sinduscon por trabalhar conosco e também por acreditar na nossa proposta de informatização do sistema, o que vai garantir mais agilidade no Setor de Análise e Aprovação de Projetos”, disse o prefeito Jorge Pozzobom (PSDB).



3 comentários

  1. Garibaldi

    Não sei se é certo ou errado um deputado que precisa se mudar para Porto Alegre (ou sair de lá) receber essa verba, mas sei que o deputado do “Novo” (?) com a grana que o papai tem decididamente nããããããooooo precisaria meeeeeeeeeeeeesmo.

  2. O Brando

    Post de político ‘cumpanheiro’ é noticia no blog da militância enrustida. Vermelhinhos utilizam das poucas ferramentas de que dispõe, no caso teorias da conspiração.
    Quem é o Nardes? Em 2004 já era enrolado. Foi para o TCU do mesmo jeito. O que tem a dizer outro site reconhecidamente vermelhinho?

    https://jornalggn.com.br/noticia/quem-recomendou-rejeitar-as-contas-da-presidente-dilma

  3. O Brando

    Severinos Cavalcantis à parte.

    DECRETO LEGISLATIVO Nº 775, DE 2005
    Escolhe o Senhor João Augusto Ribeiro Nardes para o cargo de Ministro do Tribunal de Contas da União, nos termos do art. 73, § 2º inciso II, da Constituição Federal.
    O Congresso Nacional decreta:
    Art. 1º É escolhido o Senhor João Augusto Ribeiro Nardes para o cargo de Ministro do Tribunal de Contas da União, nos termos do art. 73. § 2º inciso II. Da Constituição Federal e do art. 105, inciso II. da Lei nº 8.443, de 16 de julho de 1992, em decorrência da aposentadoria do Ministro Humberto Souto, publicada no Diário Oficial da União, Seção 2, de 3 de junho de 2004, página 1.
    Art. 2º Este Decreto Legislativo entra em vigor na data de sua publicação.
    Senado Federal, 5 de Julho de 2005. –Senador
    Renan Calheiros
    , Presidente do Senado Federal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *