CIDADE. Lançamento do ‘Memória Ativa’ será sexta. Coletivo defende patrimônio histórico de Santa Maria

CIDADE. Lançamento do ‘Memória Ativa’ será sexta. Coletivo defende patrimônio histórico de Santa Maria

CIDADE. Lançamento do ‘Memória Ativa’ será sexta. Coletivo defende patrimônio histórico de Santa Maria - memória-ativa

Palacete Batista Seroni, na esquina das ruas Tuiuti e Floriano Peixoto, um dos prédios históricos da cidade, tombado pelo poder público

Por MELINA GUTERRES (texto e foto), da Rede Sina

Na próxima sexta, 24, às 19h, no Casarão da TV Ovo acontece o lançamento oficial do coletivo Memória Ativa.  O movimento iniciou em agosto do ano passado em decorrência das alterações do Plano Diretor e do decreto de tombamento provisório de 135 prédios históricos de Santa Maria.

No dia 4 de agosto foi lido na praça Saldanha Marinho o Manifesto em Defesa do Patrimônio Cultural da cidade com os objetivos principais de dar apoio ao Conselho Municipal do Patrimônio Histórico e Cultural de Santa Maria – COMPHIC, defesa da lista dos prédios tombados provisoriamente e pela imediata discussão, apresentação e propostas de lei de proteção do patrimônio material e imaterial da cidade.

O grupo já promoveu atos como o abraço simbólico ao palacete Batista Seroni (exemplo de prédio de valor de patrimônio preservado), reuniões com reitores da UFN e UFSM e diretor da ULBRA-SM, audiência com a Comissão Especial de Patrimônio da Câmara de Vereadores, entrega ao gabinete da Casa Civil de contribuições e propostas à minuta da Lei do Patrimônio, a vinda do professor e arquiteto Paulo Edi Martins (UFRGS) para ministrar aula inaugural dos cursos de pós-graduação de Arquitetura, Patrimônio e História da UFSM, assim como passeio orientado pelo acervo Art Déco da Av. Rio Branco.

Tal passeio se repetiu durante a recente Feira do Livro com profissionais de arquitetura.

Dentre os prédios a terem proteção especial estão os localizados na Av, Rio Branco, os quais representam o segundo maior acervo em Art Déco em via continua no mundo. No evento da próxima sexta haverá o lançamento da marca do coletivo, realizada pela agência Latino América Comunicações, de forma colaborativa.

O grupo planeja diversas ações para sensibilizar a população de Santa Maria no sentido de preservar o patrimônio como forma de desenvolver a identidade, sentimento de pertencimento e aumentar a autoestima cidadã.

O quê? Lançamento oficial do coletivo Memória Ativa

Quando? 24 de maio, sexta-feira, 19h

Onde? Casarão da TV Ovo ( Ernesto Beck, 1965 / esquina com a rua Floriano Peixoto)

Outras informações sobre o coletivo em: http://redesina.com.br/category/memoriaativa/



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *