CÂMARA. Luci e Celita deixam comissão especial que trata das carroças no centro. Kaus foi o pivô do bafafá

CÂMARA. Luci e Celita deixam comissão especial que trata das carroças no centro. Kaus foi o pivô do bafafá

CÂMARA. Luci e Celita deixam comissão especial que trata das carroças no centro. Kaus foi o pivô do bafafá - maiquel-celita-e-luci

Luci Duartes e Celita da Silva se retiraram de comissão após João Kaus não ter as convidado para reunião sobre o tema do colegiado

Por MAIQUEL ROSAURO (com montage sobre fotos de Arquivo), da Equipe do Site

O vereador João Kaus (MDB) está sozinho na comissão especial que trata sobre a possibilidade de proibir a circulação de veículos de tração animal no Centro de Santa Maria. Na manhã de terça-feira (11), Luci Duartes – Tia da Moto (PDT) e Celita da Silva (PT) se retiraram do colegiado, que precisará ser recomposto com outros edis.

A origem dos problemas está em uma reunião realizada na quinta-feira (6), às 19h, no Plenarinho da Câmara de Vereadores, entre Kaus e integrantes do Instituto Assistencial de Bem-estar Animal (IABEA). O parlamentar, que é vice-presidente da comissão especial, não convidou para o encontro Luci e Celita, respectivamente, presidente e relatora.

Embora a reunião estivesse agendada pelo gabinete do emedebista desde o dia 28 de maio, as vereadoras só ficaram sabendo da agenda no momento em que ela transcorria.

“Ele (Kaus) teve tempo hábil suficiente para nos comunicar. Eu me senti com uma peça insignificante em uma comissão da qual sou presidente”, alega Luci.

No mesmo sentido, Celita também criticou a postura de Kaus.

“Faltou ética ao vereador, que não seguiu o regimento da Casa deixando de convidar os membros da comissão para uma reunião que tratava do assunto debatido no colegiado. Lamentamos o ocorrido”, salientou Celita.

Bate boca

Na manhã de terça, o trio se reuniu e as vereadoras cobraram uma posição de Kaus. Os ânimos se exaltaram e o tom de voz se elevou. Como consequência, Luci e Celita renunciaram aos cargos na comissão.

Ao site, Kaus admitiu que, de fato, não convidou as parlamentares para a reunião. Porém, relatou que o encontro foi agendado a pedido do IABEA, tendo participado como convidado.

“Agora vamos recompor a comissão. Ainda temos muito trabalho pela frente, incluindo uma audiência pública”, destaca o vereador.

Carroças

A comissão especial analisa o Projeto de Lei Complementar 8846/2019, proposto por Kaus, que proíbe a circulação de veículos de tração animal no perímetro urbano central de Santa Maria. A iniciativa, na prática, acrescenta um artigo ao Código de Posturas do Município (Lei complementar 92/2012), estabelecendo a proibição e também tornando exceção datas comemorativas promovidas pelo Poder Público.

Nem pintado…

Após o reboliço dessa terça, Luci nunca mais quer ver Kaus pela frente em uma comissão especial.

“Em qualquer comissão que ele se fizer presente, eu não faço. Graças a Deus na comissão permanente de Políticas Públicas e na de Educação, da qual faço parte, ele não está. Para eu entrar em mais uma especial, só se Kaus não tiver. Não vou ser pautada por um vereador que não admite seus erros”, garante a Tia da Moto.



3 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *