PartidosPolítica

PARTIDOS. Sigla governista perde fôlego no número de alistados e Ministro quer Bolsonaro filiado ao DEM

Presidente é o maior nome do PSL. Que, em 2019, foi apenas a 13ª sigla com mais filiações. Em abril, apenas 13 novos, no Brasil inteiro

Da Redação (texto e arte) do portal especializado PODER360, com foto de Reprodução

O PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, foi o que mais cresceu em 2018. Ele teve 1 boom de filiados após o 1º turno das eleições de 2018. Conquistou, apenas no mês de outubro do ano passado, cerca de 20 mil novos filiados – mais do que quase todos os partidos conseguiram durante o ano. Em 2019, porém, ficou apenas em 13º lugar entre os que atraíram mais filiados. No ano, conquistou 1.869 novos membros.

Segundo dados levantados pelo Drive Premium, newsletter paga do Poder360, o PSL ficou atrás do PRB (16.361) e de legendas tradicionais, como PSDB (9.265) , PT (5.796), MDB (5.151) e DEM (5.042). Os dados são do TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Considerando o período de janeiro de 2018 a abril de 2019, o PSL aparece entre as 3 siglas que mais ganharam filiados em 23 das 27 unidades da Federação. Ou seja, foi 1 aumento orgânico, espalhado pelo Brasil. Só que acabou…

…Em 1 ano, só outras 3 legendas ganharam a quantidade de filiados que a sigla conquistou em outubro: PRB, PSB e Novo. Foi fogo fátuo. Em abril deste ano, o partido do presidente teve só 13 filiações…

PERDIDO NO CONGRESSO

A legenda é a 2ª maior na Câmara, com 54 deputados. Só perde para o PT, que tem 55 deputados. Mas os pesselistas batem cabeça entre si e com o governo. Insistiram, por exemplo, em manter o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) com o ministro Sergio Moro (Ministério da Justiça e Segurança Pública), depois recuaram.

ENCRENCADO COM FRAUDE

Outro problema que pesa contra o PSL é a investigação por fraude com candidaturas laranjas de mulheres nas eleições de 2018.

Em fevereiro, a PF abriu 1 inquérito para investigar as suspeitas de fraude. Candidatas da legenda disseram que suas candidaturas foram usadas para desviar dinheiro de fundo eleitoral.

ONYX IDEALIZA BOLSONARO NO DEM

Nesse contexto de confusões no PSL, o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse nesta 5ª feira (30.mai.2019) que sonha com o retorno do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ao DEM. Bolsonaro já foi filiado ao à sigla quando ela ainda se chamava PFL, em 2005.

“Nós vencemos e hoje temos na Presidência um ex-filiado do PFL, um ex-filiado do Democratas, que olha para o nosso partido com imenso respeito. E, porque não dizer, com o olho de, quem sabe, gostaria de voltar para casa”, disse Onyx na convenção nacional do partido.

Ao deixar o evento, Onyx disse que o retorno de Bolsonaro ao DEM era seu sonho, sem falar se há planos pragmáticos do presidente para mudar de legenda.

A fala de Onyx acontece em 1 momento em que o PSL parou de crescer. O boomde filiações motivados pela campanha de Bolsonaro nas eleições de 2018 parece ter acabado.”

PARA LER A ÍNTEGRA, INCLUSIVE COM OUTRAS TABELAS DISPONÍVEIS, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo