Destaque

INTERNET. Advogada de SM acusada por suposto ato de racismo. Só que ele foi cometido por outra pessoa

À esquerda, Géssica Rauber, com o braço direito tatuado. À esquerda, detalhe do braço direito da moça que cometeu o suposto ato racista

Por MAIQUEL ROSAURO (com fotos de Reprodução), da Equipe do Site

A advogada Géssica Rauber, de Santa Maria, está sendo acusada injustamente por um suposto ato de racismo que ela não cometeu. Em um vídeo que surgiu neste final de semana e que vem se tornando viral nas redes sociais, uma moça que aparenta ter saído de uma festa afirma que precisa chegar em casa para tomar logo um banho de álcool porque teria encostado em gente nojenta. Em seguida, ela dá a entender que encostou em um pessoa negra.

A Revista Fórum, de repercussão nacional, publicou uma matéria remetendo a publicação ao perfil da advogada santa-mariense no Instagram (AQUI).

 

No fim da manhã deste domingo (3), a advogada publicou uma nota no seu perfil no Facebook afirmando não ser ela a jovem no vídeo. Ela também disse que está sendo alvo de ameaças.

 

Após ser alertado sobre a viralização do vídeo pela direção nacional do Tucanafro/PSDB, o Site apurou que, de fato, a santa-mariense não é a moça da publicação.

Em uma foto postada no perfil da advogada, em 21 de maio, seu braço esquerdo está coberto com tatuagens. Já o braço direito da moça do vídeo não possui nenhum desenho.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo