PrefeituraTrânsito

BALADA SEGURA. Ação aborda 69 veículos. 18 CNHs apreendidas e 16 motoristas autuados por embriaguez

Por MAURÍCIO ARAUJO (com foto de Arquivo/AIPM), da Assessoria de Imprensa da Prefeitura

A Prefeitura de Santa Maria realizou, na madrugada deste domingo (8), a 38ª edição da Operação Balada Segura. Agentes da Coordenadoria Municipal de Trânsito Urbano (CMTU) montaram barreiras ao longo das ruas do Acampamento e Duque de Caxias. Foram seis horas de fiscalização, da meia-noite às 6h.

No total, foram abordados 69 veículos, sendo que 27 veículos foram autuados por algum tipo de irregularidade. Ainda, foram realizados 56 testes do etilômetro (foto), e 16 pessoas foram autuadas por embriaguez. Ainda, no total, 16 condutores tiveram suas carteiras nacionais de Habilitação (CNHs) recolhidas.

Em relação aos percentuais, 28,98% do total de condutores abordados cometeram alguma infração de trânsito, sendo que 23,19% teriam ingerido algum tipo de bebida alcoólica.

38ª Balada Segura

Veículos abordados: 69

Veículos que apresentavam irregularidades: 16

Veículos recolhidos: 2

CNHs recolhidas: 16

Total de autuações: 27

Testes etilômetro realizados: 56

Total de autuados por embriaguez: 16

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo