Câmara de VereadoresDestaque

CÂMARA. Num único dia, seis vereadores de SM renunciaram a suas cotas de atividade parlamentar

Legisladores estão abrindo mão das cotas de telefonia, combustível e selos

Nos últimos dois dias, sete dos 21 edis renunciaram as cotas disponibilizadas para atividades parlamentares (Foto Allysson Marafiga)

Por Maiquel Rosauro

Uma nova era de respeito ao dinheiro público está surgindo na Câmara de Vereadores de Santa Maria. Um dia após Pablo Pacheco (PP) renunciar às cotas de telefone, combustível e selos (AQUI), outros vereadores seguiram pelo mesmo caminho.

Nesta terça-feira (5), Rudinei Rodrigues – Rudys (MDB) foi o primeiro a assinar requerimento renunciando às cotas de telefone, selos e gasolina.

“Não preciso destes privilégios para conseguir fazer o meu mandato”, afirmou o vereador.

Em seguida, outros parlamentares também fizeram anúncios semelhantes. Destaque para o vereador Juliano Soares – Juba (PSDB), que desde o seu primeiro mandato não fez uso das cotas. O tucano, inclusive, fez um vídeo explicando o que é feito com o dinheiro economizado.

Abaixo, confira os vereadores que se posicionaram contra as cotas nos últimos dois dias:

Pablo Pacheco (PP)

Rudinei Rodrigues – Rudys (MDB)

Marina Callegaro (PT)

Danclar Rossato (PSB)

Paulo Ricardo Pedroso (PSB)

Alexandre Vargas (Republicanos)

Juliano Soares – Juba (PSDB)

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo