Câmara de VereadoresDestaque

BASTIDORES. Parlamento inativo em sua própria burocracia, filas, parquímetros e a volta das diárias

Com a Casa paralisada na bandeira preta, sobram reclamações em sessão virtual

Vereadores reclamam que comissões permanentes, comissões especiais e frentes parlamentares estão suspensas na bandeira preta. Porém, eles tiveram a possibilidade de alterar o regramento na semana passada e não o fizeram. Foto Reprodução

Por Maiquel Rosauro

Os vereadores de Santa Maria realizaram, no fim da tarde desta terça-feira (2), a primeira sessão on-line da atual Legislatura. Como não havia nada (nada mesmo) na Ordem do Dia, eles aproveitaram o encontro virtual para colocar as reclamações em dia.

A primeira queixa foi, veja só, contra a Resolução Legislativa 1/2021, que flexibilizou as medidas internas contra a proliferação de covid-19. O problema é que o novo regramento, aprovado por unanimidade na quinta (25), foi detalhadamente modificado para favorecer os trabalhos durante a bandeira vermelha do modelo de Distanciamento Controlado, enquanto as regras em vigor durante a bandeira preta foram deixadas de lado.

Estão suspensas: comissões permanentes, subcomissões, comissões especiais e frentes parlamentares. Audiências públicas estão vedadas. Acredite, nem de forma on-line estas atividades podem ser realizadas de forma oficial na bandeira preta.

“Há necessidade de que a gente dê uma natural regularidade ao trabalho legislativo. As autoridades municipais, das quais incluímos todos os vereadores, não podem ficar pendentes da inatividade do Parlamento. Na medida em que não conseguimos fazer com que as comissões funcionem, a própria atividade do plenário fica prejudica. Haja visto hoje, temos aqui uma sessão virtual sem ordem do dia, sem nada para deliberar”, explicou Ricardo Blattes (PT).

Para resolver, não vai ter jeito, os vereadores vão ter que aprovar uma nova resolução legislativa para consertar o que já deveria ter sido corrigido.

Filas
Outra reclamação foi sobre as filas que os idosos de Santa Maria, mais uma vez, enfrentaram para se vacinar. Os vereadores Tony Oliveira (PSL) e Roberta Pereira Leitão (PP) relataram a caótica situação enfrentada na Praça Saldanha Marinho. Ambos, inclusive, fizeram uma live no local.

Parquímetros
Por fim, os parlamentares reclamaram dos parquímetros. Mesmo na bandeira preta, o estacionamento rotativo segue sendo pago no Centro de Santa Maria.

Em tempo: Em São Gabriel, o prefeito Rossano Gonçalves (PL) suspendeu a cobrança dos parquímetros na bandeira preta e adotou a prorrogação de parcelas do ITPU por 60 dias.

Diárias liberadas
Os vereadores de Santa Maria já podem voltar a viajar com pagamento de diárias. A resolução aprovada na quinta excluiu os trechos que vedavam a participação de parlamentares e servidores em eventos ou em viagens. Para isso, é preciso protocolar um pedido de viagem e ser aprovado em plenário.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

2 Comentários

  1. Bastidores é o seguinte. Nada a ver com a noticia. Farmácias fazendo teste de Covid. Já estive na situação duas vezes. Ambiente não bem ventilado. Gente esperando para ser atendido. Não muito longe gente esperando para fazer o teste, é o mesmo estabelecimento. Obviamente sai correndo. Mas teve gente que ficou. Risco é pequeno porém é bem maior.

  2. Dois parlamentares jogando para a platéia. Já mostraram a que vieram. Quem não ajuda, não atrapalha. Já dizia minha tataravó. Ao invés de lives deveriam auxiliar os profissionais de saúde, já que estavam no local e sabem como fazer. Até as pedras da Marinho sabem que se houver aglomeração irá demorar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo