DestaqueSanta Maria

CÂMARA. Valdir Oliveira retorna ao Parlamento

Sessão desta quinta (1º) foi a primeira do ano com a presença do petista

Vereador Valdir Oliveira (PT) passou 118 dias internados no Hospital de Caridade (Foto Gabriel Haesbaert/Divulgação)

Por Maiquel Rosauro

O segundo mandato de Valdir Oliveira (PT) no Legislativo de Santa Maria teve início nesta quinta-feira (1º). Após passar 118 dias hospitalizado, lutando contra a Covid-19, ele retornou nesta tarde à Casa do Povo.

Valdir foi recepcionado com aplausos logo ao ingressar no hall de entrada, em uma cadeira de rodas. Na Mesa Diretora, foi afixada uma faixa que dizia “Obrigado Deus, o Valdir voltou para nós!”. A família do parlamentar, o seu irmão, o deputado estadual Valdeci Oliveira (PT), e a coordenadora do Projeto Esperança/Cooesperança, irmã Lourdes Dill, estiveram presentes no plenário acompanhando o petista.

Logo no início da sessão, Valdir recebeu do presidente da Câmara, João Ricardo Vargas (PP), um cartão proposto pelos vereadores e funcionários da Casa.

“Mais uma vez o vereador Valdir nos prova a vontade de viver, nos prova que o pensamento positivo, a sua fé, está lhe trazendo de volta a sua atividade que tanto sonhou e batalhou”, disse Vargas.

Em seguida, a vereadora Marina Callegaro (PT) comunicou que devolvia a Valdir à liderança do Partido dos Trabalhadores no Parlamento.

Para que ele não precisasse se locomover durante a sessão, a direção da Casa instalou um microfone junto à sua bancada. Em um emocionado o discurso, o petista agradeceu a Deus, à comunidade, assessoria, colegas de parlamento e, sobretudo, sua família.

“Eu quero dizer que continuarei sendo aquele mesmo vereador da primeira legislatura, com muita franqueza, sinceridade e lealdade, fazendo o debate político e nunca levando para o lado pessoal as questões político-partidárias”, afirmou Valdir.

CPIs

Valdir anunciou que, por orientações médicas, não vai encarar uma grande quantidade de trabalhos em curto prazo. Por este motivo, afirmou que não assumirá a relatoria de duas Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs) – Covid-19 e Shopping Independência – que estavam a cargo de sua suplente, a vereadora Helen Cabral (PT).

Para o seu lugar, o Bloco Parlamentar Propositivo indicou a vereadora Luci Duartes – Tia da Moto (PDT).

YouTube

A Ordem do Dia já havia terminado na sessão e, mesmo sem precisar, Valdir pediu permissão para o presidente da Casa para se retirar do plenário. Ele disse que já havia excedido demais sua permanência no Legislativo e precisava voltar para sua internação domiciliar. Mas prometeu que assistiria no YouTube todos os discursos que não viu ao vivo.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo