DestaqueEstado

ASSEMBLEIA. Valdeci propõe o “Espaço Lanceiros Negros”. E Marenco tem o projeto de “Dia Estadual”

Legislativo do RS abre Semana da Consciência Negra, no Palácio Farroupilha

Na abertura da Semana da Consciência Negra, Valdeci propõe Espaço Lanceiros Negros (foto Guerreiro/Agência de Notícias ALRS)

Por Tiago Machado / Da Assessoria de Imprensa do Deputado Valdeci Oliveira

O deputado estadual Valdeci Oliveira (PT) representou o presidente da Assembleia Legislativa, Gabriel Souza (PMDB), na abertura das atividades da Semana da Consciência Negra no Parlamento gaúcho, realizada nesta terça-feira (16), em Porto Alegre.

Na sua manifestação, Valdeci defendeu que seja criado, dentro do Palácio Farroupilha (sede da Assembleia), um espaço permanente de discussão, estudo, pesquisa e valorização sobre os Lanceiros Negros, grupo de negros escravizados que lutaram na Revolução Farroupilha com a promessa de liberdade ao fim do conflito.

“Teremos a oportunidade de presidir o Parlamento no ano que vem e vamos discutir de forma ampla, junto às bancadas e com o movimento negro, essa iniciativa, que é justa, legítima e é uma forma importante de valorização da luta do povo negro”, destacou Valdeci, ao lembrar que a ideia dialoga com o projeto de lei apresentado recentemente pelo deputado Luiz Marenco (PDT) que cria o Dia Estadual dos Lanceiros Negros.

Na cerimônia de abertura da Semana da Consciência Negra, que contou com a presença de diversos deputados e deputadas e de representantes dos movimentos sociais, foi realizado o ato simbólico de lavagem das escadarias do hall da Assembleia Legislativa, ritual que, para as religiões de matriz africana, simboliza pedidos de paz, alegria e fraternidade.

“Nosso perdão aos negros e negras pelo que a sociedade ainda comete, nos dias de hoje, em matéria de racismo, preconceito, violência, falta de respeito e falta de oportunidades”, assinalou Valdeci ao encerrar a sua manifestação.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo