DestaqueEconomia

ECONOMIA. Lojistas e comerciários fecham acordo e o comércio abrirá em todos os feriados, exceto dois

Convenção Coletiva de Trabalho ainda define piso e um abono a trabalhadores

Por Guilherme Bicca (com imagem Freepik) / Da Assessoria de Imprensa do Sindilojas

A Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) é um dos principais serviços prestados pelo Sindilojas a seus representados. É ela que dá base legal para a relação trabalhista entre empregador (lojas) e funcionários (comerciários) do setor varejista de Santa Maria, entre outros regramentos relacionados a abertura em feriados, compensação de jornada e reajuste salarial.

A CCT 2022-2023, com data base em 1º abril, e negociada desde o início deste ano, foi protocolada junto ao Ministério do Trabalho e Economia na última semana, após aprovação em Assembleia Geral Extraordinária. 
Um dos principais destaques desta CCT é o reajuste salarial de 11,76%  do INPC que elevará o piso da categoria de R$ 1.470,00 para R$ 1.642,50, a partir do mês de outubro. 
Além do reajuste, os comerciários receberão um abono, em seis parcelas, buscando compensar a descapitalização das familias que dependem do comércio com a alta da inflação dos últimos meses. 

A busca pela liberdade de trabalhar é outro destaque desta Convenção, com a possibilidade de abertura do comércio com mão de obra laboral  em todos os feriados, incluindo os dias de pleito eleitoral, até abril de março de 2023, com exceção de 25 de dezembro (Natal) e 1º de janeiro (Ano Novo).

PARA LER NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo