DestaqueEducação

CÂMARA. Vereadores aprovam projeto de lei que institui o Programa Escola Segura em Santa Maria

Iniciativa prevê instalação de câmeras de segurança nas instituições de ensino

Alexandre Vargas (foto) é autor do projeto junto a Getúlio de Vargas. Os dois são do Republicanos (Foto Guilherme Superti/Câmara)

Por Maiquel Rosauro

Por unanimidade, os vereadores de Santa Maria aprovaram, nesta quinta-feira (4), projeto de lei que institui o Programa Escola Segura. A iniciativa prevê a elaboração de um plano de trabalho de cada unidade escolar para garantir a segurança de alunos e educadores, além do patrimônio público.

Um dos principais pontos é a previsão de instalação de câmeras de monitoramento nas dependências e cercanias das Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEIs) e das Escolas Municipais de Ensino Fundamental (EMEFs).

Os autores da proposta são os vereadores Alexandre Vargas e Getúlio de Vargas, ambos do Republicanos.

“Não vamos colocar câmeras dentro das salas de aulas, mas podemos colocar câmeras nos corredores e em algumas áreas de utilidade pública onde os alunos utilizam para o recreio, além das câmeras externas”, explicou Alexandre Vargas na defesa da proposta.

Para que se torne lei, o projeto agora precisa ser sancionado pelo prefeito.

Confira a proposta na íntegra (AQUI).

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo