EconomiaNegócios

DILMA FESTEJA. Consumo tetoma nível pré-crise. Prenúncio de Natal (e 2010) gordo

Mais eletroeletrônicos à venda. Já tem gente aumentando a produção
Mais eletroeletrônicos à venda. Já tem gente aumentando a produção

Poucos duvidam que a economia será uma grande eleitora em 2010. Talvez não a maior, mas certamente fundamental. Assim, é evidente que Dilma Rousseff, a candidata governista, tende a ser a grande beneficiada na hipótese, cada vez mais visível, de um ano com indicadores positivos. Ainda mais que a situação, que nunca chegou a ser ruim como a de outras nações, já demonstra inequívocos sinais de otimismo.

Pesquisa recente do Ibope, sob encomenda da Confederação Nacional da Indústria mostra que a percepção de que o risco de aumento de desemprego praticamente inexiste. E mais: o emprego aponta um viés positivo desde meados de março, com excelentes perspectivas para o próximo ano.

Quer dizer, o cenário que o governo pediu (e deu uma ajudinha) a Deus. Tanto que o consumo já faz muita gente prever um Natal gordíssimo a se avizinhar, muuuito melhor que o de 2008. Detalhes? Confira a reportagem publicada na versão online do jornal Folha de São Paulo. A seguir:

Propensão de consumo volta a nível pré-crise no Brasil

Os bons resultados da economia brasileira já fazem com que a população enxergue os próximos meses com o mesmo otimismo com o qual o país vivia antes da crise mundial.

Com o segundo aumento consecutivo, o INEC (Índice Nacional de Expectativa do Consumidor) cresceu 4,7% no terceiro trimestre e ficou apenas 0,2% abaixo do registrado em setembro do ano passado.

Divulgado a cada três meses pela CNI (Confederação Nacional da Indústria), o indicador que mede a propensão de consumo dos brasileiros sugere que as vendas no fim deste ano podem atingir resultados melhores do que os projetados no início de 2009…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo