EstadoJudiciárioMeio Ambiente

CORRUPÇÃO. Niedesberg, Záchia, Berfram e mais um punhado de graúdos foram presos pela Polícia Federal

As acusações: corrupção ativa e passiva, falsidade ideológica, crimes ambientais e lavagem de dinheiro. A operação é da Polícia Federal, e as prisões temporárias foram autorizadas pela Justiça. O atual, Carlos Niedesberg, e um ex-secretário de Meio Ambiente, Berfran Rosado, e o secretário da mesma área em Porto Alegre, Luiz Fernando Záchia, já estão no xilindró.

Com eles, mais um punhado de outros, em mandados de prisão que estão sendo cumpridos desde o início da manhã, pelos federais. Mais detalhes você tem no material publicado pela versão online de Zero Hora. Acompanhe:

 “Secretários do Meio Ambiente são presos em operação da Polícia Federal

…O secretário do Meio Ambiente do Estado, Carlos Niedersberg, o secretário municipal do Meio Ambiente, Luiz Fernando Záchia, e o ex-secretário do Meio Ambiente, Berfran Rosado foram presos na madrugada desta segunda-feira em uma operação da Polícia Federal.

Eles são alvo da Operação Concutare que, de acordo com nota divulgada pela PF, está cumprindo 29 mandados de busca e apreensão e de prisão temporária expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região. Até o momento, 16 pessoas já foram presas.

Em Tel Aviv, o governador Tarso Genro anunciou o afastamento do secretário. O prefeito José Fortunati também afastou temporariamente o secretário Záchia.

Ainda segundo a nota, os investigados serão indiciados por corrupção ativa e passiva, falsidade ideológica, crimes ambientais e lavagem de dinheiro. O nome de todos os presos será divulgado ainda na manhã desta segunda-feira…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

14 Comentários

  1. Faz de conta que o Tarso NAO Sabia da investigaçao.
    Esta claro que ele, por ser do partido da presidente, ter sido ministro da Justiça, chefe da PF!!!
    ele sabia e liberou a prisao, depois que viajou.
    O que eu nao entendo foi ele ter empossado um cara em investigaçao.
    Isto daì foi pra afastar o PseudoB do poder. Agora até a Cony tá na reta, pediram dinheiro pra campanha dela, crime eleitoral?
    Ou o tal Niedesberg embolsou o que pediu pro Rosado?

  2. Claudemir
    Eu leio, releio meu comentário mais abaixo e não consigo ver onde eu estaria tirando a responsabilidade do governo do Estado no caso desta falcatrua.
    Mas, só para não deixar dúvidas se “em mais de dois anos de governo” o PT sabia ou não que este cara do PCdoB era corrupto, veja a data que ele assumiu o cargo no governo: 08 de abril de 2013. Completaria hoje 22 DIAS de governo.

    Carlos Fernando Niedersberg assume Secretaria Estadual do Meio Ambiente
    Publicação: 08/04/2013 – 12:47

    O químico Carlos Fernando Niedersberg assume hoje, 8, a Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema). Desde janeiro de 2011, ele estava à frente da Fundação Estadual de Proteção Ambiental Henrique Luiz Roessler (Fepam) e, agora, substituirá Helio Corbellini, que permanecerá na pasta nas funções de secretário adjunto e diretor geral.

  3. Graúdos mesmo, isso mostra que não existem partidos inocentes. PÔ, mas tirar o governo do Tarso desta é meio forte demais. Dizer que em dois anos de governo o secretário não estava envolvido é conto da carrochinha. Gosto de ler aqui, não só o que Claudemir escreve, mas tb os comentários e fico pensando como é que o PT se escapa de todas. Aí tem. Eles nunca sabem de nada, não fazem nada, mas estão sempre nas bocas. Assim é demais, mesmo para os mais ingênuos leitores.

  4. o tal do Zachia tava no escandalo do DETRAN!
    Profissional!
    O Fortunati adotou um indiciado!
    E na tal FEPAM um dos presos tinha sido acusado…
    todo mundo com passado legalzinho

  5. políticos de vários partidos envolvidos e com ligações com todas as correntes políticas que disputam o poder no RS, o que mostra a seriedade do trabalho da Polícia Federal.

    Minha dúvida é em saber quem seriam as empresas envolvidas no esquema, para cada corrupto a um corruptor. E seria interessante fazer um cruzamento de dados dessas empresas com as doações de campanha eleitoral.

    Enquanto existir o financiamento privado de campanha e a submissão do poder político ao poder econômico em uma relação espúria e nada republicana veremos sempre casos como esses.

  6. Claudemir
    Gosto do debate. Tu sabes que desde o início do teu site sou um “comentarista” e um dos primeiros realmente identificados. Todos sabem quem sou. Portanto, daqui para frente, te peço licença para responder apenas aos comentários de pessoas que não sejam cagonas, que não tenham medo de se identificar. Se puder ser assim, te agradeço. Não tenho cargo político, não tenho rabo preso com ninguém. Sempre me identifico. Não é justo ser cobrado por quem não tem coragem ou talvez se segure em algum cargo apenas pela indicação política por não ter capacidade de se estabelecer por competência.

  7. O ex-candidato a vereador APENAS ESQUECEU de dizer que a operação tem 10 meses e TARSO DO PT governa há 2 anos. Ora, ora, o PT de novo com essas conversas??? Só falta dizerem que como o Secretário é do PC do B o governo não tem culpa. Isso é uma VERDADEIRA PIADA, Rogério!

  8. Lá como cá. O advogado do Záchia (PMDB) já se apressou em chamar a coletiva da polícia de “espetáculo midiático”. É claro que eles não gostam de publicidade.
    Olha, pode não ser pelos crimes cometidos na Corsan, mas Berfran Rosado está recebendo com juros o que ele fez com a Corsan e tentou fazer com a água no estado do Rio Grande do Sul. Ele e Brito tentaram de todas as formas vender mais esta estatal. Agora, com os motivos desta prisão, dá para se ter a noção exata do que eles estavam bu$cando. E dizer que, se Yeda fosse reeleita, este cidadão seria nosso vice governador. Definitivamente entrou areia no negócio. Este último trocadilho infame que fiz foi só para lembrar da extração irregular de areia do rio Jacuí.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo