Meio AmbientePrefeitura

NA MIRA. Polícia investiga corte (com autorização da Prefeitura) de mais de 18 mil árvores nativas em SM

O caso está com a Delegacia de Proteção do Meio Ambiente. A remoção da, cá entre nós, floresta foi licenciada pela secretaria municipal de Proteção Ambiental. Mas os detalhes, inclusive a origem da informação, estão em reportagem publicada agora há pouco, na versão online do Diário de Santa Maria, e que vale a pena conferir. A seguir:

Polícia Civil investiga autorização cedida pela prefeitura de Santa Maria

A Delegacia de Proteção do Meio Ambiente (DEMA) investiga autorização concedida pela prefeitura de Santa Maria para o corte de mais de 18 mil árvores nativas, na localidade de Passo do Arenal, uma área de preservação ambiental da BR-392.

A remoção das árvores foi licenciada pela Secretaria Municipal de Proteção Ambiental para a ampliação de uma jazida de extração de areia. O documento, no entanto, não menciona a compensação ambiental, prevista em lei, que deveria ser feita devido a remoção de um grande número de plantas.

A delegada Roberta Bertoldo da Silva instaurou inquérito para apurar os termos da autorização. Ela suspeita de irregularidades desde a permissão para que se instalasse uma…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

10 Comentários

  1. HAHAHAH

    A culpa é dos bombeiros, derrubaram porque podia pegar fogo e nao tinha PPCI!
    Schimer o que tu achas desta aberração?
    Tà tudo certo?

  2. gardel dá até medo de pensar quem será a próxima vitima ou as próximas já que o número está aumentando assustadoramente. mas não te preocupa em breve teremos as luzes de natal e tudo volta ao normal, e pensar que falta 3 anos e meio para este governo terminar.

  3. @Gardel Sylveyra
    Bem colocado Gardel,242 óbitos, com pouquíssimas chances de salvar-se na “aripuca incendiaria” em funcionamento. Dezoito MIL arvores, sem defesa alguma e liberadas para morte..

  4. Uma jazida no Arenal… quem teria um jazida no Arenal? Lá pras ribas do Vacacaí, né?

    Bueno, seja onde for, a polícia pelo jeito desconfia que tem alguém armando algo por lá… ou não é nada disso, é claro!

    In dubio pro reo (menos pro Zé, condenado sem provas pelo batman)!

  5. Só a FEPAM para fazer um convênio com a Prefeitura de Santa Maria, que possui uma estrutura de fiscalização absolutamente problemática, em todos os sentidos. Quanta irresponsabilidade…

  6. Na legislatura 1988/1992 exerci a vereança com uma plataforma e atuação exclusivamente ecológicas. Santa Maria foi pioneira no Brasil em ter na sua Lei Orgânica um capítulo inteiro sobre Meio Ambiente,foi criada a Secretaria deProdução Agropecuária (com um setor que tratava do meio ambiente), inúmeras árvores do perímetro urbano foram tombadas como patrimônio paisagístico e declaradas imunes ao corte,várias pedreiras tiveram suas atividades paralisadas (até hj), areirtas do Verde foram suspensas durante semanas até sofrerem rigorosa inspeção e legalização, mais de 25 leis municipais foram aprovadas disciplnando atividades, etc…etc…
    De 1988 para cá passaram-se 25 anos…e pelo que vejo houve uma regressão estapafurdia ! Naquela época se fazia passeata e se brigava para proteger UMA SÓ ÁRVORE !!! E hoje se autoriza a derrubada de 18.000 e a cidade, seus estudates e suas autoridades ficam calados ?
    Nossa Senhora Medianeira,rogai por nós !!!
    Tenha piedade de nós !!!

    jamespizarro@hotmail.com

  7. Eu parabenizo a Polícia Civil, mas com um Ministério Público desses, o Executivo pode pensar que poderá fazer o que quiser que o resultado é aquele que uma de suas vereadoras disse na gravação assombrosa ” Não dá em nada”!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo