Destaque

NOVO GOVERNO. Pozzobom vai ficar seis meses no comando da Saúde. Mas ele não será o único interino

Pozzobom, prefeito e secretário de Saúde, por pelo menos por seis meses. E seus dois homens de confiança: Cortez (E) e Lima (D)
Pozzobom, prefeito e secretário de Saúde, por pelo menos por seis meses. E seus dois homens de confiança: Cortez (E) e Lima (D)

Por JOYCE NORONHA (texto) e GABRIEL HAESBAERT (fotos), no jornal A Razão

A surpresa de Jorge Pozzobom (PSDB) informar que ele será prefeito e secretário de Saúde contrasta com a certeza de que Alexandre Lima e Guilherme Cortez estariam no primeiro escalão do Executivo a partir de janeiro de 2017. Considerados os homens de confiança do prefeito eleito, Cortez vai chefiar duas importantes secretarias: a inédita Casa Civil do Município e a pasta de Gestão e Modernização Administrativa. Já Lima fica no comando de uma das mais importantes pastas da gestão: Controladoria e Auditoria Geral do Município.

Tanto Cortez quanto Lima trabalharam muito ao lado de Pozzobom em busca da eleição para prefeito. O futuro controlador e auditor geral diz que “nada mais certo do que colocar para trabalhar com ele (Pozzobom) as pessoas que estiveram ao lado dele e que o ajudaram a chegar na principal cadeira do Executivo”.

Cortez ainda reforça que o trabalho feito para que Pozzobom chegasse à Prefeitura não começou nos preparativos para as Eleições 2016 e garante que toda a trajetória política do tucano foi pensada para este momento.

POR POUCO TEMPO

Cortez comenta que aceitou a responsabilidade de assumir duas pastas e garante estar pronto para o desafio. Contudo, ele menciona que não deve comandar as duas secretarias por toda a gestão. A mesma coisa diz o próprio Pozzobom sobre a secretaria de Saúde. O prefeito eleito acredita que comandará a pasta por, pelo menos, seis meses e depois irá empossar outra pessoa no cargo.

OS HOMENS DE CONFIANÇA DO PREFEITO 

GUILHERME CORTEZ – Casa Civil e Secretaria de Modernização Administrativa

Considerado o braço direito do prefeito eleito, Cortez, de 24 anos, cursa o 7º semestre de Direito, na Fadisma. Apesar da pouca idade, o rapaz já assumiu grandes responsabilidades na carreira política ao lado de Pozzobom. É o chefe de gabinete do tucano na Assembleia Legislativa, atuou como coordenador de campanha de Pozzobom a prefeito, em 2012, e na busca pela reeleição como deputado estadual, em 2014. Também coordenou a campanha ao pleito deste ano, que rendeu a vitória. Começou a trabalhar com o futuro prefeito com 18 anos, quando recém tinha se filiado ao PSDB. Cortez foi escoteiro e estudou no Colégio Militar e atribui sua disciplina e senso de responsabilidade à passagem por estas instituições. Na próxima gestão acumulará duas funções importantes do primeiro escalão e diz que está preparado para o desafio.

ALEXANDRE LIMA – Controladoria e auditoria Geral

Outro nome que compõe o círculo de confiança do prefeito eleito é o do presidente municipal do PSDB, Alexandre Lima, partido a qual é filiado há mais de 20 anos. O empresário atuou como secretário de Indústria, Comércio e Turismo, na década de 1990, na gestão do, então, prefeito José Haidar Farret. Em 2012, concorreu a vice-prefeito em chapa pura do PSDB, encabeçada por Pozzobom. Natural de Santa Maria, é formado em Administração pela UFSM, tem pós-graduação em Gestão Financeira, Controladoria e Auditoria pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ele comenta que tem uma tarefa desafiadora pela frente com o comando da Controladoria e Auditoria Geral do Executivo, mas garante que vai trabalhar para “antecipar problemas” e para proteger os funcionários da Prefeitura, bem como o prefeito. Apesar de estar envolvido com a política há muito tempo, pontua que não tem interesse a concorrer para cargos eletivos.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo