Sem categoria

POLÍTICA. Com contingenciamento, Câmara anuncia economia de R$ 239,7 mil reais no primeiro semestre

Mesa Diretora da Câmara de Vereadores foi informada dos resultados nesta sexta-feira, por seu presidente, o emedebista Adelar Vargas

Por CLARISSA LOVATTO (texto) e MATEUS AZEVEDO (foto), da Assessoria de Imprensa da Câmara

Ao adotar medidas de contingenciamento em razão da pandemia do coronavírus, a Câmara de Vereadores economizou R$ 239.693,59 no primeiro semestre deste ano em comparação ao mesmo período de 2019. A informação consta no levantamento realizado pela Diretoria Financeira do Legislativo e divulgado pelo presidente da Câmara, vereador Adelar Vargas, na manhã desta sexta-feira (17), em ato realizado com a presença de vereadores da Mesa Diretora.

CLIQUE AQUI E CONFIRA A ECONOMIA ANUNCIADA, ITEM POR ITEM

Também, hoje (sexta), o presidente assinou a Resolução Legislativa nº 011/2020, com o novo plano de contingenciamento de despesas pelo período de 90 dias.  Essa Resolução prorroga a não concessão de diárias, compra de passagens aéreas e terrestres; suspensão de participação em cursos e eventos que demandem o pagamento de inscrição e/ ou diária; a suspensão do envio de correspondências pelos gabinetes parlamentares e setores administrativos; a limitação da disponibilização de material de expediente mensal aos gabinetes e setores e a contratação de novos estagiários. “O Poder Legislativo aprovou essa Resolução para economizar mais recursos. Essa economia de recursos, que já realizamos, foi muito importante para a cidade. Tratamos com seriedade o dinheiro público”,  destacou o presidente.

Em abril, a Câmara já havia aprovado uma Resolução, estabelecendo um plano de contingenciamento com a finalidade de permitir a economia de recursos públicos no âmbito interno e proporcionar o remanejamento de recursos para ações de combate à pandemia decorrente do coronavírus.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

2 Comentários

  1. Se colocassem a gasolina dos vereadores seria mais 200 mil.
    E por falar em economia, quanto na verdade foi investido dos 5 milhões que a câmara prometeu para combate ao covid? Quantos respiradores?! Leitos de uti? E mesmo assim estamos com a bandeira vermelha.
    Esse dinheiro quantos teste rápidos foram adquiridos?!
    Esses vereadores só promessas vazias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo