Segurança

POLÍCIA. Delegacia Amiga dos Animais de Santa Maria resgata cão que sofria maus tratos

Responsável pela cadela será indiciada por crime de crueldade contra animais

Por 3ª Delegacia de Polícia Regional do Interior

Veterinária Letícia Adamy ficou responsável pelo animal. Foto Divulgação

Nesta sexta-feira (24), a Polícia Civil através da Delegacia Amiga dos Animais (1ª DP/Santa Maria) realizou o resgate de um cão (fêmea), o qual estava sofrendo maus-tratos.

O cão estava em uma residência na Rua Bechara Abaidi. A responsável pela cadelinha é uma idosa e será indiciada por crime de crueldade contra animais.

O animal estava acorrentado e com graves ferimentos no pescoço, já que não havia coleira e a corrente estava diretamente no preço do animal. A veterinária Letícia Adamy, da Associação Somos Pet ficou responsável pelo animal.

A ação foi coordenada pelo delegado Carlos Alberto Dias Gonçalves, titular da 1ª DP/Santa Maria.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo