DestaqueSanta Maria

CIDADANIA. Santa Maria tem neste sábado, 20, o Ato Unificado da Negritude. Vai iniciar às 4 da tarde

Movimento denuncia racismo e também as políticas “antipovo” de Bolsonaro

Por Bruna Homrich (com Arte CalendAfro) / Da Assessoria de Imprensa da Sedufsm

“Sem o povo negro não existe Brasil”. Essa é a chamada para o Ato Unificado da Negritude, que ocorre neste sábado, 20 de novembro (Dia da Consciência Negra), em diversas cidades do país e também em Santa Maria. Por aqui, a manifestação tem início às 16h, na Praça Saldanha Marinho, com a presença de lideranças negras e a realização de performances e apresentações musicais. 

A atividade integra o CalendAFRO, agenda elaborada pelo Movimento Negro Unificado (MNU), em parceria com diversas outras entidades e coletivos, para promover atos públicos, exposições artísticas, homenagens e rodas de conversa que pautem temáticas diretamente relacionadas à negritude e à centralidade da pauta antirracista nos locais de estudo, trabalho, moradia e cultura. Durante todo o mês de novembro, então, Santa Maria foi e será palco de ações que visam a denunciar o racismo cotidiano, institucional e estrutural; a gritar que “vidas negras importam” e a fazer avançar, a passos largos, a construção de uma sociedade antirracista.

Para o ato deste sábado também será levada a consigna “Fora Bolsonaro” e outras pautas que dialogam com a realidade de pauperismo cada vez maior vivenciada pela população brasileira, a exemplo da alta no preço dos alimentos e de outros itens necessários à manutenção da vida digna, o que vem jogando o país de volta ao mapa da fome.

A Sedufsm participará da atividade e convida a categoria a comparecer – fazendo uso de máscara, álcool em gel e respeitando o distanciamento.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo