DestaqueSanta Maria

BASTIDORES. Despedida da irmã Lourdes Dill na Câmara, o retorno de Marina e uma visita a Heinze

Religiosa usará a tribuna livre, em seu último ato no Legislativo santa-mariense

Irmã Lourdes Dill e presidente da Câmara, Valdir Oliveira, durante homenagem feita em março (Foto Yorhan Rodrigues/Arquivo)

Por Maiquel Rosauro

A sessão plenária iniciará em clima de despedida, nesta quinta-feira (28), às 15h, na Câmara de Vereadores de Santa Maria. A irmã Lourdes Dill utilizará a tribuna livre pela última vez antes de sua transferência para o município de Barra do Corda, no Maranhão. Ela viaja na segunda-feira (8).

A religiosa usará o espaço da Cooperativa Mista dos Pequenos Produtores Rurais e Urbanos. Em seu discurso, ela irá agradecer a Santa Maria pelos 35 anos do Projeto Esperança/Cooesperança.

A visita mais recente da irmã ao Legislativo ocorreu em 30 de março, quando foi realizado o evento Mulheres Empoderadas. Na ocasião, ela foi uma das homenageadas pelo presidente Valdir Oliveira (PT), junto a outras mulheres que se destacam em diversas áreas.

Retorno

A mãe da Maria Vitória está de volta à Câmara. Marina Callegaro (PT) retornou ao trabalho na terça-feira (26). A menina nasceu no dia 1º de abril.

No período em que esteve afastada, Marina não saiu em licença maternidade e a primeira suplente do PT, Helen Cabral, não foi chamada para substituí-la. Logo, na maior parte do mês, o Legislativo atuou com 20 vereadores na Casa.

Brasília

Os vereadores Pablo Pacheco (PP), Roberta Pereira Leitão (PP) e Rudinei Rodrigues – Rudys (MDB) visitaram o gabinete do senador Luis Carlos Heinze (PP) nesta quarta-feira (27), em Brasília. Na pauta, assuntos relacionados à Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), saúde de pessoas deficientes e esporte amador e de alto rendimento.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo